Arquivos do Blog

Gestão Anastasia: mutuários comemoram entrega de 150 casas pela Cohab Minas

Famílias de Engenheiro Caldas, Itaobim, Ribeirão Vermelho e Itamogi foram contempladas pelo Programa Lares Geraes Habitação Popular

A Cohab Minas entregou, entre os dias 21 e 23 de junho, as chaves de 150 casas a mutuários contemplados pelo Programa Lares Geraes Habitação Popular, do Governo de Minas, em parceria com o governo federal. Foram beneficiadas famílias dos municípios de Engenheiro Caldas (Leste), Itaobim (Jequitinhonha), Ribeirão Vermelho e Itamogi (Sul).

Em Engenheiro Caldas, o chefe de gabinete da Cohab Minas, João Lincoln de Almeida, representando o presidente Octacílio Machado Júnior, acompanhado do prefeito Juarez Contin Júnior, entregou as chaves de 30 unidades habitacionais. Também participaram da solenidade a presidente da Câmara Carmen Maria Neto e os prefeitos vizinhos Vicente de Paula Germano, de Fernades Tourinho e Raimundo Pena Forte, de Itanhomi.

Em seu discurso o prefeito lembrou que é a primeira vez, em 50 anos de emancipação, que foram construídas casas populares no município. “É muito bom estar aqui hoje entregando essas casas, mas a minha maior satisfação é vocês terem conquistado o teto para as suas famílias”, disse. O chefe de gabinete da Cohab falou da satisfação da Companhia em realizar o sonho das famílias mineiras. “Nosso trabalho é alimentado pela alegria que nós temos ao ver a felicidade do sonho da casa própria realizado”, disse.

Essa alegria estava no rosto da beneficiadas Geralda do Carmo da Silva, 63. Natural de São Geraldo da Piedade,casou-se aos 29 anos, no município de Engenheiro Caldas, na Região Leste de Minas Gerais. Como o esposo era lavrador, eles moravam em casas cedidas pelos patrões. Quando ficou viúva, não tinha casa e foi morar de aluguel mudando de uma residência para outra em uma ciranda que já durava 15 anos.

A construção das 30 unidades no município divididas entre a sede e mais dois distritos permitirá que Geralda do Carmo permaneça na mesma comunidade em que mora. Até então ela pagava R$ 200 de aluguel no distrito Divino Traíra. “Eu já queria entrar logo na minha casa”, conta a pensionista. Ela já comprou material de construção e vai colocar piso de cerâmica na casa antes de se mudar. “Nossa Senhora, é uma maravilha”, comemora.

Itaobim

No Vale do Jequitinhonha outras 60 famílias comemoraram a conquista de suas casas. As chaves foram entregues pelo chefe de gabinete João Lincoln e pelo prefeito João Pereira dos Santos.

“As pessoas mais importantes dessa comemoração são vocês. Sabemos que o pobre tem valor e é por isso que estamos lutando e concretizando o sonho de vocês que é meu também. Eu ouvi muitas vezes me criticarem o porquê de colocar casas populares em um lugar tão nobre. Mas vocês são tão nobres quanto todos aqueles que moram aqui”, afirmou o prefeito aos novos mutuários da Cohab Minas. O chefe e gabinete da companhia de habitação do Estado, João Lincoln, lembrou aos mutuários a importância do pagamento em dia das prestações que, além de terem um desconto significativo, alimentam o Fundo Estadual de Habitação, permitindo a construção de casas para outras famílias.

Durante a entrega de uma das casas foi emocionado que o mutuário Mauro Sérgio Pereira Ramalho subiu ao palco para receber as suas chaves. “Graças a Deus. A chave da vitória”, disse em alto e bom som o futuro morador do Conjunto Alta Vista. “Acabou o aluguel pra mim. Obrigado Meu Deus. Obrigado Jesus”, completou.

Outra beneficiada foi Gildásia Alves Pereira. Aos 41 anos ela mora no centro de Itaobim, na casa da mãe junto com mais dois irmãos. Para ela a casa é um sonho que se realiza. “É um sonho que eu tenho há muito tempo. Não vou falar que eu morava feliz na casa da minha mãe, porque até certa idade seus pais tem obrigação com você, mas de uma certa idade pra frente é você que tem que correr atrás dos seus sonhos. Receber essa casa é como ter ganhado na mega sena. Vou pagar? Vou, mas é minha. É um dinheiro que eu vou ver resultado. O aluguel dorme e acorda com você”, disse Gildásia.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/mutuarios-comemoram-entrega-de-150-casas-pela-cohab-minas/

Gestão Anastasia: Cohab Minas entrega 150 casas a mutuários de quatro municípios

Serão beneficiados os municípios de Engenheiro Caldas, Itaobim, Ribeirão Vermelho e Itamogi

Cohab Minas / Arquivo
Investimento total nas unidades habitacionais foi de R$ 5,1 milhões, sendo R$ 2,6 milhões do Estado
Investimento total nas unidades habitacionais foi de R$ 5,1 milhões, sendo R$ 2,6 milhões do Estado

A Cohab Minas entrega, esta semana, as chaves de 150 casas a mutuários contemplados pelo Programa Lares Geraes Habitação Popular, do Governo de Minas, em parceria com programas do governo federal, nos municípios de Engenheiro Caldas (Rio Doce), Itaobim (Jequitinhonha), Ribeirão Vermelho e Itamogi (Sul).

O investimento total nas unidades habitacionais foi de R$ 5,1 milhões, dos quais R$ 2,6 milhões foram em recursos do Programa Lares Geraes Habitação Popular, do Governo de Minas. Outros R$ 2,1 milhões foram em recursos de Programa Minha Casa, Minha Vida, com contrapartida de R$ 450 mil dos municípios, que participaram com a doação dos terrenos e instalação da infraestrutura necessária.

 

Serviço:

Inauguração de 30 casas da Cohab Minas nos conjuntos Maria Delfina de Oliveira, Deco Romano e Valdemar Antônio de Santana

Local: Engenheiro Caldas (Rio Doce)

Data: 21/06/12 (quinta-feira)

Horário: 17 horas

 

Inauguração de 60 casas da Cohab Minas no Conjunto Alta Vista

Local: Itaobim  (Jequitinhonha)

Data: 22/06/12 (sexta-feira)

Horário: 16 horas

 

Inauguração de 30 casas da Cohab Minas no Conjunto Engenho da Serra II

Local: Ribeirão Vermelho (Sul de Minas)

Data: 22/06/12 (sexta-feira)

Horário: 10 horas

 

Inauguração de 30 casas da Cohab Minas no Conjunto Antônio Aparecido Gregório

Local: Itamogi (Sul de Minas)

Data: 23/06/12 (sábado)

Horário: 9h30

 

Telefone de contato: (31) 3915-1502 – Assessoria de Imprensa da Cohab Minas

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/cohab-minas-entrega-150-casas-a-mutuarios-de-quatro-municipios/

Gestão Anastasia: Programa Farmácia de Minas conta com 52 unidades na região Sul do Estado

BELO HORIZONTE (20/01/12) – Criado com o objetivo de oferecer uma rede de farmácias para distribuição gratuita de medicamentos do Sistema Único de Saúde (SUS), o Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), implementou, desde 2007, 303 unidades do Programa Farmácia de Minas. Do total, 52 foram inauguradas na região do Sul de Minas, um investimento aproximado de R$ 4,7 milhões para a construção e compra de equipamentos. Em 2011, foram inauguradas 197 unidades, com investimentos do Tesouro Estadual, que somaram R$ 9 milhões, sendo R$ 90 mil para cada município contemplado. Somente no Sul de Minas, 31 farmácias foram abertas no ano passado. A região também foi contemplada com a primeira unidade do programa no Estado, inaugurada no município de Arceburgo, em fevereiro de 2009.

A rede se propõe a ser referência de serviços farmacêuticos para a população. Cada unidade disponibiliza 159 tipos dos chamados medicamentos básicos. Em 2003, eram apenas 40 tipos. Por meio do programa, o Governo de Minas custeia a construção de farmácias públicas e a contratação de farmacêuticos, com o repasse de R$ 1.200 para complementação salarial.

Sul de Minas

Inaugurada em maio de 2009, a unidade farmacêutica de Fortaleza de Minas já atendeu 28 mil pessoas até janeiro deste ano. Anteriormente, o município com 4 mil habitantes possuía uma unidade de medicamentos que ficava dentro do Pronto-Atendimento de Saúde da cidade. O farmacêutico responsável pela unidade de Fortaleza de Minas, Juscelino Prado, destaca as mudanças vividas pela população com a abertura da Farmácia de Minas na cidade.

“A qualidade do acolhimento, o local de fácil acesso e o atendimento individualizado são as principais características do programa. Antes, o setor que distribuía os medicamentos funcionava em um local apertado e não tínhamos contato com o paciente. Com a Farmácia de Minas a realidade é outra, há acompanhamento do fornecimento de medicamentos, se identificamos que um determinado paciente não veio buscar o medicamento controlado, por exemplo, acionamos o agente de saúde. Dessa forma, formamos uma rede de atendimento multidisciplinar”, destacou Prado.

Turvolândia, com 4,6 mil habitantes, é um dos municípios da região que foi contemplado com uma unidade da Farmácia de Minas no ano passado. Antônio Fernandes é um dos pacientes da cidade que recorre mensalmente à unidade farmacêutica. Aposentado, 62 anos, portador de reumatismo e hipertensão, Fernandes recebe um salário mínimo por mês para sustentar a casa. “Se eu tivesse que comprar os remédios iria ficar muito caro. Nunca imaginei que um dia teríamos uma farmácia com essa estrutura e com essa quantidade de medicamentos à disposição em Turvolândia”, disse Fernandes.

O aposentado também destaca o atendimento individualizado da farmácia. “A farmacêutica da nossa unidade conhece cada paciente e nos trata de forma personalizada, isso é muito importante”, afirmou Fernandes.

Meta

Em 2012, serão inauguradas mais 200 farmácias de Minas em todo o Estado, totalizando 500 unidades. Até 2014, a rede contemplará 700 municípios (80% do total de 853), sendo todos os 493 municípios mineiros com população inferior a 10 mil habitantes, 200 com até 30 mil habitantes e o restante com até 500 mil. As primeiras unidades foram construídas em 2008, em 67 municípios com até 10 mil habitantes.

Além de farmacêutico, o profissional também é gestor do projeto e acompanha, desde a fundação da obra até a montagem final dos equipamentos. Todas as farmácias possuem ainda um Sistema Integrado de Gerenciamento da Assistência Farmacêutica, o que garante o gerenciamento o adequado controle dos medicamentos e cadastro dos pacientes atendidos pela farmácia, bem como de toda a rede.

Confira onde estão as unidades do programa Farmácia de Minas na região:

Inauguradas em 2009: Arceburgo, Cana Verde, Carvalhos, Delfim Moreira, Fortaleza de Minas, Itutinga, Liberdade, Monsenhor Paulo, Ribeirão Vermelho, São José da Barra, São Vicente de Minas, Serrania.

Inauguradas em 2010: Bom Jardim de Minas, Capetinga, Coqueiral, Ipuíuna, Jacuí, Perdões, Santana da Vargem, São Thomé das Letras, São Tomás de Aquino.

Inauguradas em 2011: Aguanil, Aiuruoca, Alpinópolis, Andrelândia, Arantina, Bom Jesus da Penha, Caldas, Campo Belo, Capitólio, Carmo do Rio Claro, Caxambu, Claraval, Consolação, Cruzília, Divisa Nova, Estiva, Heliodora, Ijaci, Ilicínea, Itamogi, Itapeva, Itumirim, Jesuânia, Lambari, Passa-Vinte, Pratápolis, São João Batista do Glória, São José do Alegre, Silvianópolis, Turvolândia e Virgínia.

Fonte: Agência Minas