Arquivos do Blog

Gestão da Educaçao: Poupança Jovem concede bolsas a 1.438 estudantes de Governador Valadares

Processo de adesão para participar do programa está aberto até o próximo dia 29 de junho

Imprensa MG
Lays Kellem está entre os 1.438 estudantes de Valadares beneficiados pelo Poupança Jovem
Lays Kellem está entre os 1.438 estudantes de Valadares beneficiados pelo Poupança Jovem

Lays Kellem Rezende Souza Silva, 19 anos, está entre os 1.438 estudantes de Governador Valadares beneficiados pelo programa Poupança Jovem, do Governo de Minas. Ela aderiu à iniciativa em 2009 e comemora a bolsa e os resultados já alcançados, como o emprego que conquistou.

O Poupança Jovem é destinado a estudantes do ensino médio matriculados nas escolas estaduais de municípios com alto índice de evasão escolar e vulnerabilidade social. A proposta do Estado é estimular a capacidade de planejar o futuro e criar melhores condições para os jovens ingressarem no mercado de trabalho.

“Participando do Poupança Jovem tive aulas de inglês voltado para o mercado de trabalho e informática, o que ajudou no processo de seleção, pois trabalho com telemarketing, um serviço que depende do computador”, relata Lays, que estudou na Escola Estadual Prefeito Joaquim Pedro Nascimento.

Cada aluno que adere ao programa, ao final dos três anos do ensino médio recebe a quantia de R$ 3 mil, depositados nominalmente pelo Governo de Minas. Para ser contemplado, o jovem precisa cumprir todas as metas e obrigações estipuladas pelo Poupança Jovem.

Romário Soares Araújo é ex-aluno da Escola Estadual Marcos Geber Sírio e também vai receber a bolsa do programa. Assim como Lays, ele vai investir na formação profissional. “Vou fazer um curso profissionalizante de técnico em eletromecânica. Penso também em tentar uma faculdade, nessa área de exatas, e fazer inglês”, diz.

Atualmente, o programa está em andamento em outras 29 escolas de Governador Valadares, atendendo a mais 10.491 jovens. Até o dia 29 de junho também está aberto o processo de adesão para escolas e alunos que tenham interesse em participar do programa.

Pagamento de bolsas

O pagamento das bolsas do Poupança Jovem começou a ser feito no início deste mês, contemplando alunos de mais sete cidades além de Governador Valadares que concluíram o ensino médio: Esmeraldas, Ibirité, Juiz de Fora, Montes Claros, Ribeirão das Neves, Sabará e Teófilo Otoni. No total, os recursos do Governo do Estado somam R$ 28,7 milhões, distribuídos para 9.569 jovens.

O governador Antonio Anastasia entregou, na Cidade Administrativa em Belo Horizonte, certificados de conclusão das atividades do programa. Para um público de 450 jovens, que representaram todos os beneficiados, o governador ressaltou a importância do programa para o futuro dos jovens mineiros.

“O papel do Poupança Jovem, muito mais importante do que ter ao final o prêmio, é estimular a formação do patrimônio cidadão e moral de cada jovem e o sentimento do seu próprio valor. Isso não tem preço. O Poupança Jovem é um instrumento de transformação. Isso demonstra que acertamos em identificar uma necessidade, conceber um projeto, colocá-lo em funcionamento, receber o apoio dos municípios e o resultado é esse”, destacou. Ainda durante a solenidade, Anastasia assinou o novo Plano de Metas, um instrumento gerencial de monitoramento das ações do Poupança Jovem nos municípios atendidos.

Desde que foi criado, o programa já beneficiou 85.131 jovens de 185 escolas de nove municípios participantes, com investimentos de R$ 278 milhões. Em 2011, alunos das escolas estaduais de Pouso Alegre, no Sul de Minas, também passaram a integrar a iniciativa, que é coordenada pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese).

Nova metodologia

O Poupança Jovem adotou, em 2012, uma nova metodologia, na qual os estudantes são envolvidos em quatro eixos estruturadores de formação: escolar, profissional, cidadã e cultural. A nova metodologia propõe que os estudantes participem de atividades que envolvam três temas transversais: territorialidade, participação social e mundo do trabalho.

Nesse novo formato, o programa oferece aos alunos formação complementar, por meio da realização de atividades individuais e coletivas. As atividades coletivas contam com a orientação de um educador de referência do Poupança Jovem.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/poupanca-jovem-concede-bolsas-a-1438-estudantes-de-governador-valadares/

Anúncios

Governo de Minas: Centro Socioeducativo de Justinópolis promove feira de conhecimentos

Alunos da escola que funciona dentro da unidade realizaram mostra sobre a evolução humana e suas tecnologias.

Divulgação / Seds
Adolescentes participaram de ações culturais durante Multifeira.
Adolescentes participaram de ações culturais durante Multifeira.

O Centro Socioeducativo de Justinópolis (CSEJU), em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, promoveu, nesta sexta-feira (22), a Multifeira 2012. Organizado pela Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio, que funciona dentro da unidade, o evento contou com apresentações teatrais e musicais, além de estandes temáticos.

Logo na entrada da feira, os participantes passavam por um túnel do tempo que mostrava a evolução humana e suas tecnologias. Havia exemplares de máquina de escrever, telefone, lampião, vitrola, rádio, televisão, computador e videogame, em ordem cronológica de invenção. Do lado de dentro havia estandes de bioquímica, física e matemática, português e literatura. Para a diretora geral da unidade, Alessandra Silva, atividades como a feira são essenciais para que os adolescentes resgatem a importância da escola em suas vidas. “Por meio de projetos envolvendo arte e cultura, conseguimos envolvê-los e enlaçá-los com o verdadeiro sentido da escola”, disse. De acordo com a diretora, o envolvimento na Multifeira reflete positivamente no desempenho nas disciplinas.

Todos os 72 adolescentes que estão cumprindo medida de internação e internação provisória no Centro Socioeducativo de Justinópolis estão matriculados na escola da unidade. A superintendente Regional de Ensino, Maria Lúcia Martins, alerta que, para os adolescentes autores de atos infracionais, em especial, frequentar aulas é fundamental para o resgate da esperança e da autoestima. “A escola recupera não só a aprendizagem, mas os valores”, diz.

A diretora de Formação Educacional e Profissional da Subsecretaria de Atendimento às Medidas Socioeducativas (Suase), Ana Carolina Ribeiro, reforça a importância de haver integração entre a escola e a própria unidade. “Eventos como esse são momentos de fortalecer a integração e comemorar junto”, disse.

Apresentações

Essa não é a primeira feria realizada pela escola da unidade. No ano passado, houve uma voltada especificamente para a literatura. Neste ano, todas as áreas desenvolveram trabalhos. Além dos stands, onde havia desde poesias até hortas verticais e montagem de figuras espaciais com canudinhos, houve apresentações de teatro, música e da fanfarra da unidade.

Adolescentes que integram o grupo de teatro Guerreiros da Vinci, que existe há quase quatro anos e hoje conta com 11 integrantes, foram alguns dos que se apresentaram na Multifeira.  Eles ensaiam duas vezes por semana, sob orientação do agente socioeducativo Júlio César da Siva, conhecido como “Tio da Vinci”. Um dos participantes, de 17 anos, conta que nunca tinha feito teatro, mas que entrou para o grupo assim que chegou à unidade socioeducativa, há nove meses, e adora eventos como a Feira. “É demais, todo mundo gosta!”, disse.

Se depender do diretor geral da escola, não será preciso esperar até o ano que vem para haver outros eventos desse tipo. “Já estamos nos preparando para a Festa Junina e para o 4º Encontro Cultural das unidades de centros socioeducativos e escolas prisionais”, adiantou.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/centro-socioeducativo-de-justinopolis-promove-feira-de-conhecimentos/

Governo de Minas: Poupança Jovem certifica mais de 600 formandos em Sabará

Alunos de dez escolas estaduais do municípío já estão recebendo a bolsa de R$ 3 mil do Governo do Estado.

O programa Poupança Jovem concluiu mais uma etapa em Sabará, Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), e entregou o certificado de conclusão das atividades do processo estratégico para 616 alunos de dez escolas estaduais do município. No final de 2011, os estudantes concluíram o ensino médio e já estão recebendo a bolsa de R$ 3 mil, paga pelo Governo de Minas. A cerimônia foi realizada nessa segunda-feira (18), na Praça de Esportes da cidade.

O estudante Paulo Roberto Goncalves, 17 anos, representou os colegas e deixou uma mensagem de incentivo aos demais alunos. “Participar do Poupança Jovem foi um diferencial em minha vida. Recebi várias instruções na área profissional e pessoal, o que contribuiu muito para o meu crescimento. Com as atividades protagônicas realizadas durante o 1º ano, aprendi a não só pensar em mim, mas também na comunidade em geral e em formas de como ajudar as pessoas. Hoje, aprovado no vestibular da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) para o curso de jornalismo e estar aqui recebendo este certificado, é uma demonstração do quanto é importante acreditarmos em nós mesmos, na busca de nossos objetivos”, declarou o ex-aluno da Escola Estadual Zoroastro Viana Passos.

Durante a cerimônia, o prefeito William Borges destacou o compromisso que cada estudante deve ter com o futuro da sociedade. “Em 2009, o Poupança Jovem, este projeto desafiador, chegou a Sabará trazendo muita expectativa para nossos jovens. Não só pelo benefício dos R$ 3 mil, mas também pela perspectiva de mudanças que ele propõe. Chegar até aqui foi um caminho de muita luta e conquistas. Por isso, parabenizo cada aluno e desejo a todos muito sucesso, lembrando que a jornada está apenas no começo. Contamos com vocês na transformação da nossa sociedade, na qual muitos jovens têm trilhado caminhos errados e até mesmo sem volta”, afirmou.

O secretário de Estado de Regularização Fundiária, Wander Borges, a subsecretária de Assistência Social da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), Nívia Soares, e o gerente estadual do Poupança Jovem, José Celso Graize Magalhães, também prestigiaram o evento.

Pagamentos

Mais de 9.600 estudantes, de oito municípios (Esmeraldas, Governador Valadares, Ibirité, Juiz de Fora, Montes Claros, Ribeirão das Neves, Sabará e Teófilo Otoni) estão recebendo, desde o último dia 4, o pagamento da bolsa de R$ 3 mil, totalizando um investimento de R$ 28,7 milhões. Coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), o Poupança Jovem é destinado a alunos do ensino médio matriculados em escolas estaduais de municípios com alto índice de evasão escolar e vulnerabilidade social. A proposta do Governo de Minas é estimular a capacidade de planejar o futuro e criar melhores condições para os jovens ingressarem no mercado de trabalho.

Para receber o dinheiro, o jovem deve freqüentar regularmente as aulas, concluir o ensino médio e realizar atividades de formação cidadã, escolar, cultural e profissional. Além dos oito municípios em que os alunos já estão recebendo as bolsas, o Poupança Jovem também está em funcionamento em Pouso Alegre, no Sul de Minas.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/poupanca-jovem-certifica-mais-de-600-formandos-em-sabara/

 

Gestão da Educação: Poupança Jovem paga bolsas a 1.565 estudantes de Juiz de Fora

Investimentos do Estado destinados aos alunos somam R$ 4,6 milhões

Wellington Pedro/Imprensa MG
O estudante Lucas Teotônio de Souza, de Juiz de Fora, recebe certificado do governador Antonio Anastasia
O estudante Lucas Teotônio de Souza, de Juiz de Fora, recebe certificado do governador Antonio Anastasia

Lucas Teotônio de Souza, 18 anos, está entre os 1.565 estudantes de Juiz de Fora, na Zona da Mata, beneficiados pelo programa Poupança Jovem, do Governo de Minas. Ele aderiu à iniciativa em 2009, aos 15 anos e, hoje, comemora a realização de um sonho: a aprovação para a universidade.

O Poupança Jovem é destinado a estudantes do ensino médio matriculados nas escolas estaduais de municípios com alto índice de evasão escolar e vulnerabilidade social. A proposta do Estado é estimular a capacidade de planejar o futuro e criar melhores condições para os jovens ingressarem no mercado de trabalho. Lucas comprova os resultados positivos que o programa vem alcançando desde que foi criado, em 2007.

“Sou testemunha de que a participação efetiva no programa pode ajudar o jovem a vencer desafios que surgem durante a vida. No meu caso, o sonho era entrar em uma universidade. Agradeço primeiramente a Deus e depois ao incentivo fornecido pelo Poupança Jovem, pois passei em quarto lugar no curso de Engenharia Civil da Universidade Federal de Juiz de Fora”, relata o jovem, que estudou na Escola Estadual Dilermando Costa Cruz.

Cada aluno que adere ao programa, ao final dos três anos do ensino médio recebe a quantia de R$ 3 mil, depositados nominalmente pelo Governo de Minas. Para ser contemplado, o jovem precisa cumprir todas as metas e obrigações estipuladas pelo Poupança Jovem.

Mayara de Almeida Soares é ex-aluna da Escola Estadual Juscelino Kubitscheck e também vai receber a bolsa do programa. Assim como Lucas, ela quer cursar uma faculdade. “Vou tentar o curso de Gestão Ambiental agora no meio do ano e é em uma faculdade particular, então vou guardar o dinheiro para ajudar a pagar as mensalidades”, diz.

Atualmente, o programa está em andamento em outras 33 escolas de Juiz de Fora, atendendo a mais 12.197 jovens.

Pagamento de bolsas

O pagamento das bolsas do Poupança Jovem começou a ser feito no último dia 4, contemplando alunos de mais sete cidades além de Juiz de Fora que concluíram o ensino médio: Esmeraldas, Governador Valadares, Ibirité, Montes Claros, Ribeirão das Neves, Sabará e Teófilo Otoni. No total, os recursos do Governo do Estado somam R$ 28,7 milhões, distribuídos para 9.569 jovens.

O governador Antonio Anastasia entregou, nessa quinta-feira (14), na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, certificados de conclusão das atividades do programa. Para um público de 450 jovens, que representaram todos os beneficiados, o governador ressaltou a importância do programa para o futuro dos jovens mineiros. “O papel do Poupança Jovem, muito mais importante do que ter ao final o prêmio, é estimular a formação do patrimônio cidadão e moral de cada jovem e o sentimento do seu próprio valor. Isso não tem preço. O Poupança Jovem é um instrumento de transformação. Isso demonstra que acertamos em identificar uma necessidade, conceber um projeto, colocá-lo em funcionamento, receber o apoio dos municípios e o resultado é esse”, destacou. Ainda durante a solenidade, Anastasia assinou o novo Plano de Metas, um instrumento gerencial de monitoramento das ações do Poupança Jovem nos municípios atendidos.

Desde que foi criado, o programa já beneficiou 85.131 jovens de 185 escolas de nove municípios participantes, com investimentos de R$ 278 milhões. Em 2011, alunos das escolas estaduais de Pouso Alegre, no Sul de Minas, também passaram a integrar a iniciativa, que é coordenada pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese).

Nova metodologia

O Poupança Jovem adotou, em 2012, uma nova metodologia, na qual os estudantes são envolvidos em quatro eixos estruturadores de formação: escolar, profissional, cidadã e cultural. A nova metodologia propõe que os estudantes participem de atividades que envolvam três temas transversais: territorialidade, participação social e mundo do trabalho.

Nesse novo formato, o programa oferece aos alunos formação complementar, por meio da realização de atividades individuais e coletivas. As atividades coletivas contam com a orientação de um educador de referência do Poupança Jovem.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/poupanca-jovem-paga-bolsas-a-1565-estudantes-de-juiz-de-fora/

Gestão da Educação: Governador Antonio Anastasia entrega certificado do Poupança Jovem a 10 mil alunos

Estudantes da rede estadual de ensino de oito municípios receberam bolsas totalizando um investimento de R$ 28,7 milhões

Wellington Pedro/Imprensa MG
Cada um dos quase 10 mil alunos receberá bolsa no valor de R$ 3 mil do Governo de Minas
Cada um dos quase 10 mil alunos receberá bolsa no valor de R$ 3 mil do Governo de Minas

O governador Antonio Anastasia entregou, nesta quinta-feira (14), no Auditório JK, na Cidade Administrativa, certificados de conclusão das atividades do Poupança Jovem a 9.569 estudantes da rede estadual de ensino. São alunos que concluíram, em 2011, o ensino médio nos municípios de Esmeraldas, Governador Valadares, Ibirité, Juiz de Fora, Montes Claros, Ribeirão das Neves, Sabará e Teófilo Otoni.

No último dia 04, começou a ser feito o pagamento da bolsa no valor de R$ 3 mil a cada aluno, totalizando um investimento de R$ 28,7 milhões. O Poupança Jovem é destinado a estudantes do ensino médio matriculados nas escolas estaduais de municípios com alto índice de evasão escolar e vulnerabilidade social. A proposta do Governo de Minas é estimular a capacidade de planejar o futuro e a criar melhores condições para os jovens ingressarem no mercado de trabalho.

Para um público de 450 jovens, que representaram todos os beneficiados, o governador ressaltou a importância do programa para o futuro dos jovens mineiros. “O papel do Poupança Jovem, muito mais importante do que ter ao final o prêmio, é estimular a formação do patrimônio cidadão e moral de cada jovem e o sentimento do seu próprio valor. Isso não tem preço. O Poupança Jovem é um instrumento de transformação. Isso demonstra que acertamos em identificar uma necessidade, conceber um projeto, colocá-lo em funcionamento, receber o apoio dos municípios e o resultado é esse que temos aqui hoje tão feliz”, disse o governador.

Futuro

Representando os alunos beneficiados pela ação, o estudante Lucas Teotônio de Souza, 18 anos, fez um relato emocionado aos jovens e às autoridades presentes.

“Aderi ao Poupança Jovem em 2009, aos 15 anos. Sou testemunha de que a participação efetiva no programa pode ajudar os jovens a vencer desafios que surgem durante a vida. No meu caso, o sonho era entrar em uma universidade. Agradeço primeiramente a Deus e depois ao incentivo fornecido pelo Poupança Jovem, pois passei em quarto lugar no curso de Engenharia Civil da Universidade Federal de Juiz de Fora. Um recado a todos que fazem parte do Poupança Jovem e ainda aos que estão ingressando, aproveitem esta oportunidade única em suas vidas, pois o sucesso será inevitável”, disse o ex-aluno da Escola Estadual Dilermando Costa Cruz, de Juiz de Fora.

O governador recebeu uma camisa do Poupança Jovem e destacou os resultados alcançados pela ação. “É um programa que evita a evasão escolar e dá estímulo para cada aluno seguir seus estudos, ainda mais agora no século 21, que é o século do conhecimento, da inteligência. É por isso que coloco a camisa com extrema honra e satisfação, prestando um tributo e o meu respeito pelo o que cada um de vocês conseguiu”, afirmou.

Plano de Metas

Durante a solenidade, Anastasia e o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Cássio Soares, assinaram o novo Plano de Metas, um instrumento gerencial de monitoramento das ações do Poupança Jovem nos municípios atendidos.

Desde que foi criado, em 2007, o Poupança Jovem beneficiou 85.131 jovens de 185 escolas de nove municípios participantes, com investimentos de R$ 278 milhões. Em 2011, foram incluídos no programa alunos das escolas estaduais de Pouso Alegre, no Sul de Minas.

“A proposta do programa é incentivar a continuidade dos estudos, estimular a capacidade dos jovens de planejar o futuro e criar melhores condições de ingresso no mercado de trabalho. É uma das maiores ações do Governo de Minas, visando o fortalecimento do protagonismo juvenil e o desenvolvimento da educação em Minas Gerais”, enfatizou o secretário Cássio Soares.

Nova metodologia

O Processo Estratégico Poupança Jovem adotou, neste ano, uma nova metodologia. Os estudantes serão envolvidos em quatro eixos estruturadores de formação: escolar, profissional, cidadã e cultural. A nova metodologia propõe que os estudantes participem de atividades que envolvam três temas transversais: territorialidade, participação social e mundo do trabalho.

Nesse novo formato, o programa oferece aos alunos formação complementar, por meio da realização de atividades individuais e coletivas. As atividades coletivas contam com a orientação de um educador de referência do Poupança Jovem.

Entre outros, também participaram da solenidade 50 jovens de Pouso Alegre, que aderiram, no ano passado, ao programa, o secretário Extraordinário de Regularização Fundiária, Wander Borges, e de prefeitos das cidades beneficiadas.

Governador Antonio Anastasia entrega certificado do Poupança Jovem a 10 mil alunos 

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governador-antonio-anastasia-entrega-certificado-do-poupanca-jovem-a-10-mil-alunos/

Gestão Eficiente: estudantes de Belo Horizonte e Ribeirão das Neves vão participar de oficinas de Educação Viária

Programa irá beneficiar mais de 11 mil alunos de escolas estaduais que participam do projeto Educação em Tempo Integral.

Divulgação / SEE
Educadores da rede estadual recebem capacitação para educação no trânsito
Educadores da rede estadual recebem capacitação para educação no trânsito

A educação viária chegou às escolas estaduais de Belo Horizonte e Ribeirão das Neves. Por meio de uma parceria entre a Secretaria de Estado de Educação (SEE) e a Fundação Mapfre, 126 escolas estaduais que ofertam a Educação em Tempo Integral  vão participar do Programa Educação Viária é Vital. Para que o tema possa ser trabalhado nas escolas, cerca de 200 professores das Superintendências Regionais de Ensino das Metropolitanas A, B e C estão sendo capacitados sobre a temática.

Durante a capacitação, os educadores estão tendo a oportunidade de discutir formas de trabalhar a temática nas salas de aula. “Nos encontros estamos fazendo uma apresentação do programa para os educadores, entregando material didático e realizando uma reflexão sobre a educação no trânsito. Este ano, vamos associar a ética na relação das pessoas que circulam pelo espaço público da escola. Para os próximos anos pretendemos expandir para a perspectiva do bairro e da cidade”, conta uma das coordenadoras do Programa Educação Viária é Vital, Marina Pompéia.

O Programa Educação Viária é Vital tem entre seus objetivos estabelecer novas formas de se relacionar com os espaços de circulação viária, nos diversos municípios participantes do programa. Cerca de 11.800 alunos serão beneficiados com a iniciativa. “O programa irá beneficiar todas as escolas da capital mineira e de Ribeirão das Neves que têm Tempo Integral. Ele vai expandir o conhecimento dos alunos sobre a circulação para além do território escolar”, ressalta o gestor do projeto Educação em Tempo de Integral.

Programa Educação Viária é Vital

O programa tem entre seus objetivos envolver os alunos na observação, análise e crítica das condições de circulação viária dentro da escola, na comunidade do entorno e na cidade; promover ações solidárias, participativas e responsáveis entre os alunos envolvidos, que incentivem a circulação segura e harmoniosa dentre e fora da escola, além de favorecer a adoção de hábitos e atitudes seguras e solidárias na circulação dos estudantes em diferentes espaços.

Próximas ações

Na próxima semana, será lançado na SRE de Teofilo Otoni um livro de receitas produzido pelos alunos das escolas estaduais da Superintendência que participaram de um projeto da Fundação Mapfre voltado para alimentação e hábitos de vida saudáveis. Outra ação que acontecerá na próxima semana é o lançamento do ‘Projeto Viver com saúde’ na Superintendência Regional de Ensino de Araçuaí.

Educação em Tempo Integral

O projeto Educação em Tempo Integral existe desde 2007 e busca elevar a qualidade do ensino, ampliar a área de conhecimento do aluno, além de promover o atendimento de estudantes com dificuldade de aprendizagem. Todo o trabalho de atendimento ao aluno é feito como base em atividades culturais e esportivas, com a extensão do tempo de permanência do aluno no ambiente escolar.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/estudantes-de-belo-horizonte-e-ribeirao-das-neves-vao-participar-de-oficinas-de-educacao-viaria/

Governo de Minas: Sine de Justinópolis, na Grande Belo Horizonte, está com novo endereço

Unidade viabiliza busca por um novo emprego, solicitação de carteira de trabalho, seguro-desemprego e cursos de qualificação

SETE / Divulgação
Secretário Hélio Rabelo e o coordenador do Sine de Justinópolis, Walter Menezes, durante cerimônia de inauguração
Secretário Hélio Rabelo e o coordenador do Sine de Justinópolis, Walter Menezes, durante cerimônia de inauguração

Os trabalhadores de Justinópolis, distrito de Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, contam agora com amplo espaço de acolhida para buscar um novo emprego, solicitar carteira de trabalho, seguro-desemprego ou cursos de qualificação profissional. O secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Hélio Rabelo, inaugurou no local, nesta terça-feira (12), a nova sede da unidade de atendimento ao trabalhador do Sistema Nacional de Emprego (Sine).

“A ampliação das instalações e melhoria nos serviços aos trabalhadores só é possível porque temos todos o mesmo objetivo: trabalho de qualidade para todos os mineiros. Então, essa unidade é o resultado do esforço e vontade do Governo de Minas, por meio da SETE, dos nossos funcionários, da prefeitura municipal e também dos trabalhadores de Justinópolis. É muito gratificante trabalhar para oferecer trabalho”, afirma o secretário.

O coordenador da unidade, Walter Menezes, agradeceu a todos os presentes e destacou a missão e o trabalho dos servidores do Sine em Justinópolis. “Quero fazer um agradecimento especial a todos os atores que prestam seus serviços nesta unidade e que vêm se dedicando e esforçando, a cada dia, para que os serviços oferecidos sejam para o trabalhador tudo aquilo que realmente almejamos, seguindo sempre a mensagem de que ninguém que vier nos procurar deverá voltar para casa pior do que chegou”, concluiu. A unidade do Sine em Justinópolis agora funciona na Avenida Denise Cristina da Rocha, nº 2225, na Vila Papine.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/sine-de-justinopolis-na-grande-belo-horizonte-esta-com-novo-endereco/

Gestão da Educação: com nova metodologia, Poupança Jovem atende estudantes em Pouso Alegre

O programa agora oferece aos jovens opções para realizar as atividades individuais de acordo com suas possibilidades e desejos.

Renata Lauar/Sedese
Programa Poupança Jovem recomeça em Pouso Alegre
Programa Poupança Jovem recomeça em Pouso Alegre

Mais mil jovens do município de Pouso Alegre, no Sul de Minas, puderam aderir ao Poupança Jovem neste ano. A iniciativa é voltada para estudantes do ensino médio da rede estadual de Pouso Alegre. O reinício das atividades do Poupança Jovem foi oficializado pelo secretário de Estado de Desenvolvimento Social, deputado Cássio Soares, durante encontro com estudantes e parceiros em Pouso Alegre na quarta-feira (30).

“Essa solenidade é um reflexo do somatório de esforços do Governo de Minas para concluir todas as metas estabelecidas. Em Pouso Alegre, estamos ampliando o Poupança Jovem, passando de 800 para quase dois mil alunos atendidos. Este ano, o Poupança está com uma nova metodologia, cada vez mais preocupado com o cidadão e com um único objetivo: formar pessoas. Que a retomada do Poupança Jovem em Pouso Alegre seja motivo de orgulho para o município e que possamos, juntos, levar o melhor para o jovem mineiro”, destacou Cássio Soares.

O Poupança Jovem foi criado em 2007 com o objetivo de estimular a capacidade dos jovens de planejar o futuro, aspirações pessoais, profissionais, planejamento financeiro e criar melhores condições de ingresso no mercado de trabalho. É destinado aos estudantes do ensino médio público estadual que residem em municípios com alto índice de evasão escolar e vulnerabilidade social.

Quem participa da iniciativa, cumpre todas as atividades estabelecidas e é aprovado recebe, ao final dos três anos, o valor de R$ 3 mil. A estudante Sabrina Paiva participa do Poupança Jovem desde o ano passado e já planeja como vai investir o dinheiro. “É um programa muito interessante, que incentiva os alunos a estudarem e proporciona desenvolver várias ações legais na cidade. Eu pretendo seguir a carreira militar e o dinheiro vai me ajudar bastante”, disse.

Em Pouso Alegre, o Poupança Jovem conta com a parceria da Fundação Itaú Social.

“É um projeto que visa a formação dos nossos jovens.  Traz a possibilidade de ampliar seu repertório sociocultural e destaca a importância da conclusão do ensino médio. Além disso, possibilita o desenvolvimento de escolhas e de pensar no futuro. O Poupança Jovem oferece várias possibilidades aos alunos, com resultados muito produtivos”, destacou a superintendente da Fundação Itaú Social, Valéria Ricomini.

Nova metodologia

Preocupado em reforçar o protagonismo juvenil, o Poupança Jovem adotou, neste ano, uma nova metodologia. Com isso, os estudantes serão envolvidos em quatro eixos estruturadores: Formação escolar, formação profissional, formação cidadã e formação cultural e em atividades relacionadas a três temas transversais; territorialidade, participação social e mundo do trabalho.

Com o novo formato, o programa oferece aos alunos o Cardápio de Atividades de Formação Complementar. Nele, os jovens encontram opções para realizar as atividades individuais que estejam de acordo com suas possibilidades e desejos, além de uma série de opções para a prática de atividades coletivas, para que os trabalhos sejam desenvolvidos em grupos e resultem em produtos que serão apresentados à comunidade.

Desde 2007, o Governo investiu R$ 228 milhões na iniciativa, que beneficia atualmente mais de 85 mil jovens de nove cidades: Ribeirão das Neves, Esmeraldas, Ibirité, Governador Valadares, Sabará, Montes Claros, Teófilo Otoni e Juiz de Fora, além de Pouso Alegre. Até maio deste ano, mais de 17 mil alunos concluíram as atividades e receberam a bolsa.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/com-nova-metodologia-poupanca-jovem-atende-estudantes-em-pouso-alegre/

Governo de Minas: Poupança Jovem vai atender a mais mil estudantes de Pouso Alegre

Desde 2007, o Governo de Minas investiu R$ 228 milhões na iniciativa

Estudantes do ensino médio da rede estadual de Pouso Alegre vão poder ser beneficiados pelo Poupança Jovem. Nesta quarta-feira (30), o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Cássio Soares, participa da solenidade de reinício das atividades do Poupança Jovem no município. A previsão é atender a mais mil estudantes, totalizando 1.800.

O encontro desta quarta-feira (30) será realizado no  Senac (Avenida Vicente Simões, 370 – Centro / Pouso Alegre – MG), a partir das 16h, e terá a participação de estudantes e de representantes da Fundação Itaú Social, parceira da iniciativa em Pouso Alegre.

Poupança Jovem

Criado em 2007 e coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), o Poupança Jovem é destinado a estudantes do ensino médio público estadual que residem em municípios com alto índice de evasão escolar e vulnerabilidade social. Ao final dos três anos, o jovem aprovado e concluinte das atividades do Poupança Jovem tem direito ao saque da bolsa, no valor de R$ 3 mil.

A proposta é estimular a capacidade dos jovens de planejar o futuro, aspirações pessoais, profissionais, planejamento financeiro e a criar melhores condições de ingresso no mercado de trabalho.

Desde 2007, o Governo de Minas investiu R$ 228 milhões na iniciativa, que beneficia atualmente mais de 85 mil jovens de nove cidades: Ribeirão das Neves, Esmeraldas, Ibirité, Governador Valadares, Sabará, Montes Claros, Teófilo Otoni e Juiz de Fora, além de Pouso Alegre. Até maio deste ano, 17.033 alunos concluíram as atividades e receberam a bolsa.

Nova metodologia

Preocupado em reforçar o protagonismo juvenil, o Processo Estratégico Poupança Jovem adotou, neste ano, uma nova metodologia. Com isso, os estudantes serão envolvidos em quatro eixos estruturadores (formação escolar, formação profissional, formação cidadã e formação cultural) e em atividades relacionadas a três temas transversais (territorialidade, participação social e mundo do trabalho).

Com o novo formato, o programa oferece aos alunos o Cardápio de Atividades de Formação Complementar. No cardápio, os jovens encontram opções para realizar as atividades individuais que estejam de acordo com suas possibilidades e desejos, além de uma série de opções para a prática de atividades coletivas, para que os trabalhos sejam desenvolvidos em grupos e resultem em produtos que serão apresentados à comunidade.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/poupanca-jovem-vai-atender-a-mais-mil-estudantes-de-pouso-alegre/

Gestão em Minas: detentos fazem apresentação teatral em homenagem ao Dia do Defensor Público

Espetáculo integra uma série de atividades promovidas pela Defensoria Pública em Ribeirão das Neves

Detentos da Penitenciária José Maria Alkimin, em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, apresentaram nesta sexta-feira (18) uma peça de teatro com o tema “Drogas”, em homenagem ao Dia do Defensor Público. O espetáculo foi realizado na Praça Nossa Senhora das Neves, no Centro da cidade, a convite de um grupo de defensores públicos recém-empossados na comarca de Ribeirão das Neves.

O convite para participar das comemorações do Dia do Defensor Público, comemorado em 19 de maio, surgiu quando os defensores da área criminal e de execução penal visitaram a penitenciária e assistiram a um dos ensaios. “Ficamos entusiasmados com o trabalho e o exemplo que eles podem dar para a sociedade com suas peças e resolvemos convidá-los para esta apresentação”, contou o defensor público da área de execução penal, Guilherme Rocha de Freitas.

O espetáculo integra uma série de atividades promovidas pela Defensoria Pública do município, com o objetivo de divulgar os serviços e atividades prestados pela instituição. O diretor do grupo, Fábio Alves Moreira, trabalha na penitenciária como coordenador do Núcleo de Avaliação e Acompanhamento e destacou que “este convite foi uma forma de reconhecimento muito importante para o grupo, pois vem de profissionais da Justiça empenhados em defender o cidadão sem recursos para contratar um advogado”.

Terceira geração

A trupe de detentos atores já se apresentou para mais de 13 mil pessoas em escolas públicas e empresas privadas durante a semana de prevenção de acidentes de trabalho. Em outubro do ano passado o grupo marcou presença na Praça da Estação, no evento “BH pela Paz”, em que participaram músicos e grupos conhecidos em todo o país.

O grupo de teatro da Penitenciária José Maria Alkimin surgiu em março de 2010 e possui criações coletivas, a partir de suas próprias experiências de vida, além de produzir também textos e músicas sobre temas polêmicos como bullying, direitos humanos, drogas e transtornos mentais. O diretor Fábio Alves Moreira explica que o grupo já está na terceira geração de atores, pois há uma renovação natural em função da progressão de regime dos integrantes.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/detentos-fazem-apresentacao-teatral-em-homenagem-ao-dia-do-defensor-publico/