Arquivos do Blog

Gestão Anastasia: atividades marcam a 8ª Semana Nacional do Alimento Orgânico em Minas

Epamig promove ações em regiões diversifcadas do Estado entre os dias 29 de maio a 2 de junho

Mariana Penaforte / Ascom EPAMIG
No Brasil a área de orgânicos é de 1,5 milhão de hectares
No Brasil a área de orgânicos é de 1,5 milhão de hectares

Para marcar as comemorações da 8ª Semana Nacional do Alimento Orgânico a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) realiza entre esta terça-feira (29) a sábado (02) em várias regiões do estado atividades para a promoção da agricultura orgânica. As ações serão realizadas em Belo Horizonte, Juiz de Fora e Viçosa. Na capital os visitantes poderão conhecer pesquisa agropecuária e publicações técnicas no estande da EPAMIG na Fundação Zoobotânica, além visitarem o canteiro de hortaliças e plantas medicinais naquela Fundação, em Belo Horizonte. Em Juiz de Fora, na Zona da Mata, serão apresentados os desafios na produção de lácteos orgânicos. Já em Viçosa, também na Zona da Mata, os temas das palestras do primeiro dia da programação são: controle biológico de pragas, café orgânico e boas práticas na produção de alimentos orgânicos.

O objetivo do evento é oferecer informações sobre os produtos e os sistemas de produção de orgânicos, que têm como base princípios agroecológicos. A proposta é disseminar os benefícios ambientais, sociais e nutricionais dos orgânicos para a população. A conscientização do consumidor é um dos fatores que ajuda a aumentar o número de produtores orgânicos. A grande parte é constituída por agricultores familiares responsáveis diretamente pelo manejo e trato da terra e pelo cuidado na preservação de outros recursos naturais, como a água. Atualmente, a área de orgânicos no Brasil é de 1,5 milhão de hectares.

Durante esta 8ª Semana Nacional do Alimento Orgânico as Unidades Regionais da EPAMIG também terão programação especial: Na sexta-feira (1) e no sábado (2) a EPAMIG Norte de Minas realizará visitas à horta orgânica durante a 31ª ExpoJanaúba no circuito da Agricultura Familiar. Técnicos da EPAMIG apresentarão aspectos referentes ao cultivo de hortaliças orgânicas e os benefícios dos alimentos orgânicos para a saúde da população. A EPAMIG Zona da Mata realizará palestras também na quarta-feira (30) sobre agroecologia, café orgânico, boas práticas na produção de alimentos orgânicos e produção de alimentos orgânicos para estudantes de Viçosa.

Estudantes do Instituto Técnico de Agropecuária e Cooperativismo (ITAC), em Pitangui na região Centro-Oeste do estado, participarão de palestras sobre hortaliças não convencionais, contaminação de alimentos por agrotóxicos, homeopatia na agricultura, práticas para redução do uso de agrotóxicos na agricultura na quinta-feira (31). Em Juiz de Fora o Instituto de Laticínios Cândido Tostes (ILCT) disponibilizará artigos técnicos referentes ao tema alimento, em especial, o leite orgânico, durante o evento.

Serviço

EPAMIG na 8ª Semana Nacional do Alimento Orgânico

Data: 29 de maio a 2 de junho de 2012

Locais: Belo Horizonte, Juiz de Fora, Pitangui, Janaúba e Viçosa.

Informações:

EPAMIG (Belo Horizonte) – (31) 3489-5062

EPAMIG Norte de Minas (Janaúba) – (38) 3834-1760

EPAMIG Zona da Mata (Viçosa) – (31) 3891-2646

ILCT (Juiz de Fora) – (32) 3224-3116

ITAC (Pitangui) – (37) 3271 – 4004

A programação completa pode ser conferida no link: programação ou no site www.epamig.br

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/atividades-marcam-a-8a-semana-nacional-do-alimento-organico-em-minas/

Governo de Minas: vinte academias já estão credenciadas a prestar serviço gratuito à população

As academias serão monitorados pelas Equipes Saúde da Família

A Comissão Técnica Julgadora do programa Geração Saúde, constituída pela Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ), aprovou o credenciamento de mais uma academia a prestar à população de seu município serviços de atividades físicas e de lazer orientados por profissionais de educação física. A academia fica em Vargem Alegre, no Leste do Estado.

Com a aprovação, 20 academias já foram credenciadas a prestarem os serviços, que serão monitorados pelas Equipes Saúde da Família (ESF).

Já foram credenciadas academias nas cidades de Santa Bárbara do Tugúrio, Virgínia, Belo Horizonte, Itambacuri, Santo Antônio do Monte, Jequitinhonha, Itaúna, Montes Claros, Pompéu, Mateus Leme, que tem duas academias credenciadas, Carmo da Mata, Pará de Minas, Capelinha, Pingo D’agua, Pitangui, Sabará e São Joaquim de Bicas.

As ações são voltadas para a promoção da prática de atividade física e lazer orientadas pelas academias credenciadas pelo Governo de Minas Gerais. O projeto tem por foco a melhoria da saúde e a diminuição do sedentarismo da população de Minas Gerais, a promoção da cultura do hábito da atividade física, e a melhoraria de alguns parâmetros de Saúde, como pressão arterial, índice de massa corporal, relação cintura quadril, prevalência de obesidade e sobrepeso.

Fonte: Agência Minas

Gestão Anastasia: Programa do Governo de Minas leva mais saúde à terceira idade em São Joaquim de Bicas

Filipe Diniz
Corsina dos Santos Barbosa (Cota) tinha osteoporose e agora não sente dor nos joelhos
Corsina dos Santos Barbosa (Cota) tinha osteoporose e agora não sente dor nos joelhos

Há dois meses, Moacil Maria de Oliveira, de 85 anos, nem sabia o que era uma academia. “Passava em frente a algumas e ficava me perguntado o que funcionaria ali. Fui criada na roça e nunca me imaginei fazendo ginástica e, mesmo se quisesse, minha condição financeira não me permitiria”, conta. Mas a história dessa senhora e de outras 99 pessoas, moradoras do município de São Joaquim de Bicas, começou a mudar em 28 de dezembro de 2011, data em que as atividades do Programa Geração Saúde tiveram início na cidade.

Trata-se de uma ação desenvolvida pelo Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (Seej), em parceria com prefeituras, por meio de Equipes da Saúde da Família (ESF) e academias de ginástica privadas, que visam promover a prática de atividades físicas, esporte e lazer, orientados por profissionais de educação física.

“Minas Gerais mais uma vez é vanguarda em relação à implementação de políticas públicas e nossa expectativa é a de que esse trabalho se torne referência nacional. Levar qualidade de vida aos nossos cidadãos e promover inclusão social vai ao encontro do que acreditamos”, avalia o secretário de Estado de Esportes e da Juventude, Braulio Braz.

“Não sabia que Deus ia me dar essa felicidade de estar aqui na academia. É um paraíso!”, relata Moacil, que é a mais velha da turma. Ela conta que perdeu o marido há um ano e meio e que estava muito depressiva e triste. “Vivia no hospital com crise de asma e agora estou feliz e saudável, me sentindo com 15 anos”, comemora.

O proprietário e professor da Academia Recreatur, Sidnei Eustáquio dos Santos, credenciado a prestar os serviços ao Geração Saúde, explica que os 100 alunos, beneficiários do programa, têm aulas três vezes por semana, com duração de 40 minutos a uma hora cada. Eles são encaminhados pela equipe do Programa Saúde da Família e passam por uma avaliação física. A partir daí, uma ficha personalizada de exercícios é montada e as atividades são acompanhadas de perto por um educador físico e por uma fisioterapeuta. “Esse trabalho que desenvolvemos é muito gratificante. Ele resgata a auto-estima. Muitos chegaram aqui com problemas de saúde e hoje estão muito bem”.

É o caso de Corsina dos Santos Barbosa, conhecida como Cota, de 66 anos, que, segundo Sidnei, chegou à academia mancando e com várias queixas de dor. “Brinco que ela entrou aqui igual ao Saci, pulando de uma perna só e hoje até corre”. Ela fala que não tinha ânimo e sentia muitas dificuldades por conta da osteoporose. Com a participação no Geração Saúde, sua vida mudou e os remédios puderam ficar mais de lado. “Os vidros estão todos cheios. Minha médica me disse que estou boa e me sinto tão rejuvenescida que até voltei a estudar”.

O secretário municipal de Saúde de São Joaquim de Bicas, Paulo Maia, explica que essa é a ideia do programa. Fazer com que os beneficiados cumpram um plano de metas e tenham alta assim que atingi-las, para continuar suas atividades em casa, com caminhadas e com exercício nos equipamentos de ginástica que existem em áreas públicas da cidade. Ele explica que não se pode determinar um tempo para cada pessoa participar do programa, e que esse prazo irá variar de acordo com cada caso. “É importante que esses contemplados tenham comprometimento e também façam sua parte para que o programa dê certo e, assim, dêem oportunidade para que outras pessoas sejam atendidas. E a fila de espera está enorme”.

Público-alvo

O Geração Saúde tem como foco a diminuição do sedentarismo da população de Minas Gerais e a melhoria de alguns parâmetros de saúde, tais como Pressão Arterial (PA), Índice de Massa Corporal (IMC), Relação Cintura Quadril (RCQ), diabetes, prevalência de obesidade, sobrepeso, entre outros.

Municípios atendidos

O Programa Geração Saúde teve início em dezembro de 2011 nas cidades de São Joaquim de Bicas, Capelinha, Pingo D’agua, Pitangui e Sabará. Em 2012 está prevista a expansão do programa. Os municípios interessados em executar o Geração Saúde têm até 12 de março de 2012 para encaminhar documentação necessária.  Informações no edital de Seleção Seej nº 002/2012.

Fonte: Agência Minas

Governo de Minas: Secretaria de Esportes e da Juventude credencia academia de Carmo da Mata a prestar serviço gratuito à população

Em Minas já há nove academias credenciadas para oferecer atividades físicas e de lazer, monitoradas pelas Equipes Saúde da Família (ESF), no âmbito do Geração Saúde

A Comissão Técnica Julgadora do programa Geração Saúde, constituída pela Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (Seej) aprovou, nesta sexta-feira (17), o credenciamento da Academia Sport Corpo em Movimento, de Carmo da Mata, para prestação de serviços gratuitos à população, de atividades físicas e de lazer, orientados por profissionais de educação física.

O programa, elaborado pela Seej, em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), visa promover a prática de atividade física e lazer, diminuir o sedentarismo e melhorar alguns parâmetros de saúde da população mineira, como pressão arterial, índice de massa corporal, relação cintura quadril, prevalência de obesidade, sobrepeso e a morbimortalidade por doenças cardiovasculares.

Atualmente há nove academias credenciadas pelo Governo de Minas para oferecer os serviços no Estado, que serão monitorados pelas Equipes Saúde da Família (ESF), no âmbito do Geração Saúde. O programa é desenvolvido também nas cidades de Mateus Leme, que tem duas academias, Pará de Minas, Capelinha, Pingo D’agua, Pitangui, Sabará e São Joaquim de Bicas.

Fonte: Agência Minas