Arquivos do Blog

Governo de Minas: Etapa Regional do JEMG tem início em seis cidades-sede

Cerca de 12 mil alunos de 521 escolas públicas e particulares de 277 municípios de Minas participam dos jogos.

Felipe Diniz / SEEJ
Secretário Braulio Braz participa da abertura dos JEMG em Cataguases
Secretário Braulio Braz participa da abertura dos JEMG em Cataguases

A Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (SEE), deu início, nessa terça-feira (26), à Etapa Regional dos Jogos Escolares de Minas Gerais (JEMG 2012) em seis cidades do interior. Ao todo, participam mais de 12 mil alunos-atletas, que representam 521 escolas públicas e particulares de 277 municípios mineiros. Os competidores disputarão provas até sábado (30/06) em quatro modalidades coletivas (basquete, futsal, handebol e vôlei) e duas individuais (xadrez e atletismo).

Cataguases recebe as competições da Zona da Mata; Corinto as da região Norte; João Monlevade as do Vale do Aço; Passos as disputas da região Sul; Sete Lagoas as da Região Central do Estado; e Tupaciguara os jogos doTriângulo. Os critérios de divisão seguem as áreas das Superintendências Regionais de Ensino (SREs).

Em Cataguases, a solenidade de abertura contou com a participação do secretário de Estado de Esportes e da Juventude, Braulio Braz, do prefeito da cidade, William Lobo de Almeida, e de sete superintendentes Municipais de Ensino e vários outros prefeitos da região.

“Continuem firmes, empenhados nos estudos e na prática esportiva. Todos vocês são privilegiados por participar do maior programa esportivo de Minas Gerais”, disse o secretário aos mais de dois mil atletas classificados para fase da Zona da Mata.

Para a secretária de Educação de Cataguases, Solange Soares Leite, o JEMG é uma importante ferramenta de inclusão social e interação. “É uma oportunidade para confraternização, prática da cordialidade e superação de limites“, definiu a secretária.

JEMG

O JEMG 2012 é o maior e mais importante programa esportivo-social de Minas Gerais e faz parte do projeto Minas Olímpica, do Governo de Minas. É uma competição esportiva-educacional da qual podem participar as escolas públicas e particulares de ensino dos 853 municípios mineiros. Ao todo, 686 municípios foram inscritos no JEMG deste ano, um recorde na história dos Jogos.

Os Jogos acontecem em quatro etapas – municipal, microrregional, regional e estadual – e os alunos/atletas são divididos em dois módulos, de acordo com a idade. Participam do módulo I os alunos de 12 a 14 anos (nascidos de 98, 99 e 2000) e do módulo II, alunos de 15 a 17 anos (nascidos em 95, 96, e 97).

No JEMG/2012 estão sendo realizadas competições de atletismo, atletismo PCD, basquete, bocha, futsal, futebol de 5, futebol de 7, ginástica rítmica, ginástica de trampolim, handebol, judô, natação, natação PCD, peteca, taekwondo, tênis de mesa, tênis de mesa PCD, tênis em cadeira de rodas, vôlei, vôlei sentado e xadrez, nos naipes masculino e feminino.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/etapa-regional-do-jemg-tem-inicio-em-seis-cidades-sede/

Gestão Anastasia: Governo de Minas anuncia novos acessos viários a Guaranésia e Guaxupé

Segundo o secretário Carlos Melles, as intervenções devem iniciar em até 15 dias e terminar em um período de até 120 dias

Divulgação / Setop
"Vamos ter no Sul de Minas dois trevos de altíssima qualidade", destacou Carlos Melles
“Vamos ter no Sul de Minas dois trevos de altíssima qualidade”, destacou Carlos Melles

O secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, Carlos Melles, e o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER-MG), José Elcio Monteze, autorizaram os serviços de melhoria e reformulação dos trevos de acesso à Guaxupé e à usina Alvorada do Bebedouro, em Guaranésia, no Sul de Minas. As intervenções fazem parte do trecho de 27,5 quilômetros da BR-491, inserido no Programa de Recuperação e Manutenção Rodoviária do Estado de Minas Gerais (ProMG), da Coordenadoria Regional de Passos.

“Vamos ter aqui nesta região dois trevos de altíssima qualidade e com a garantia de sempre: a obra só foi anunciada porque o governo tem os recursos em caixa para começar e terminar. Quem usa as estradas de Minas sabe o quanto o programa ProMG é bom para todos nós”, ressaltou o secretário Melles. Segundo ele, as intervenções devem iniciar em até 15 dias e terminar em um período de até 120 dias.

Para o prefeito de Guaxupé, Roberto Luciano Vieira, “a reformulação dos trevos e a recuperação dos trechos rodoviários, são diferenciais como fatores de desenvolvimento, crescimento e renda não só para Guaxupé como para toda a região da Associação dos Municípios da Baixa Mogiana (Amog), que tem quase 300 mil habitantes”. O prefeito de Guaranésia, João Carlos Minchillo, destacou os demais investimentos realizados pelo Governo de Minas na cidade. “Quanta coisa boa para a nossa cidade e região já recebemos, fruto de trabalho sério, organizado e comprometido”.

ProMG de Passos

No último dia 14, foi assinado o segundo contrato do ProMG de Passos, beneficiando 23 municípios sob jurisdição da 24ª Coordenadoria Regional do DER: Alpinópolis, Alterosa, Arceburgo, Areado, Capetinga, Capitólio, Carmo do Rio Claro, Cássia, Claraval, Conceição da Aparecida, Delfinópolis, Fortaleza de Minas, Guaranésia, Guaxupé, Ibiraci, Itamoji, Itaú de Minas, Passos, Pratápolis, São João Batista do Glória, São José da Barra, São Sebastião do Paraíso e São Tomás de Aquino.

O diretor-geral do DER-MG, José Elcio Monteze, destacou que “o ProMG, com o apoio do governador Antonio Anastasia, realmente tem conseguido dar um padrão de rodovias sem buracos, com conforto e segurança que é fundamental”. “Os novos trevos terão a geometria e dispositivos para inibir a velocidade, serão rotatórias alongadas, não vazadas e com canteiro central”, afirmou. O mais importante, completou José Elcio, é a “conscientização dos motoristas”.

Com este segundo contrato, serão recuperados e mantidos 396,8 quilômetros de rodovias estaduais, com recursos da ordem dos R$ 107 milhões, incluindo material betuminoso. O primeiro contrato do ProMG em Passos, assinado em 2007, investiu R$ 64 milhões e recuperou 355 quilômetros de rodovias.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-anuncia-novos-acessos-viarios-a-guaranesia-e-guaxupe/

Gestão da Educação: seis cidades abrem nesta terça-feira etapas regionais dos Jogos Escolares de Minas

 

Alunos de 521 escolas de 277 cidades vão competir em Sete Lagoas, Cataguases, Corinto, Tupaciguara, João Monlevade e Passos.

Divulgação / SEE
Serão cerca de 12 mil estudantes envolvidos em diversas modalidades.
Serão cerca de 12 mil estudantes envolvidos em diversas modalidades.

Cerca de 12 mil alunos de 521 escolas públicas e particulares de 277 municípios iniciam, nesta terça-feira, as disputas esportivas das etapas regionais dos Jogos Escolares de Minas Gerais (JEMG). Serão seis cidades que vão receber os estudantes de várias regiões do Estado. Os jogos, organizadas pela Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ), vão até o próximo sábado (30).

A cidade de Sete Lagoas receberá 2.400 alunos de 48 municípios na etapa da região Central. João Monlevade sediará os jogos regionais do Vale do Aço, com 2.300 alunos de 59 cidades, e Passos os da região Sul, com 2.170 participantes de 37 municípios.Tupaciguara será o local dos jogos da região do Triângulo, com 1.750 jovens de 34 cidades, e Corinto abrigará as competições da região Norte que envolvem 1.310 estudantes de 36 municípios.

A cidade de Cataguases também vai receber a etapa regional da Zona da Mata, com 2.050 participantes de 63 municípios. A abertura dos jogos no município será realizada pelo secretário de Estado de Esportes e da Juventude, Braulio Braz, nesta terça-feira (26), às 19h, na Praça Rui Barbosa, no Centro. Na etapa de Cataguases, serão disputados jogos em quatro modalidades coletivas – basquete, futsal, handebol e vôlei – e duas individuais- xadrez e atletismo.

JEMG

O JEMG 2012 é o maior e mais importante programa esportivo-social de Minas Gerais e faz parte do projeto Minas Olímpica do Governo de Minas. É uma competição esportiva-educacional da qual podem participar as escolas públicas e particulares de ensino dos 853 municípios mineiros. Ao todo, 686 municípios foram inscritos no JEMG deste ano, um recorde na história dos Jogos.

Os Jogos acontecem em quatro etapas – municipal, microrregional, regional e estadual – e os alunos/atletas são divididos em dois módulos, de acordo com a idade. Participam do módulo I os alunos de 12 a 14 anos (nascidos de 98, 99 e 2000) e do módulo II, alunos de 15 a 17 anos (nascidos em 95, 96, e 97).

No JEMG/2012 estão sendo realizadas competições de atletismo, atletismo PCD, basquete, bocha, futsal, futebol de 5, futebol de 7, ginástica rítmica, ginástica de trampolim, handebol, judô, natação, natação PCD, peteca, taekwondo, tênis de mesa, tênis de mesa PCD, tênis em cadeira de rodas, vôlei, vôlei sentado e xadrez, nos naipes masculino e feminino.

De 2004 até agora, mais de 160 mil alunos participaram do JEMG, outros 16 mil profissionais estiveram envolvidos. Com as competições, foram gerados três mil empregos diretos e oito mil indiretos. Os jogos foram assistidos por cerca de 500 mil espectadores.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/seis-cidades-abrem-nesta-terca-feira-etapas-regionais-dos-jogos-escolares-de-minas/

Governo de Minas: Hemominas organiza passeio para lembrar o Dia do Paciente

A ação teve a finalidade de promover a interação e socialização entre os pacientes.

Adair Gomez / Hemominas
Rosalina de Jesus, uma das pacientes mais antigas da Hemominas aproveita o Dia do Paciente em visita ao zoológico de Belo Horizonte
Rosalina de Jesus, uma das pacientes mais antigas da Hemominas aproveita o Dia do Paciente em visita ao zoológico de Belo Horizonte

A Fundação Hemominas realizou, nesta sexta-feira (22), um passeio com pacientes na Fundação Zoo-Botânica de Belo Horizonte para lembrar o Dia do Paciente da instituição, comemorado no 24 de junho. A ação, organizada pela equipe interdisciplinar do ambulatório do Hemocentro de Belo Horizonte, teve a finalidade de promover a interação e socialização entre os pacientes.

Para Rosângela de Castro, assistente social da Hemominas, o retorno é positivo, pois muitos dos pacientes têm nessas atividades a possibilidade do acesso ao lazer. “Nossos pacientes ficam ansiosos, aguardando e nos perguntando quando haverá novas ações”, afirma Rosângela.

Para muitos pacientes, essa foi uma oportunidade de conhecer o local pela primeira vez. Gabriel Marcos de Oliveira, 10, paciente da Hemominas desde o primeiro ano de vida, nunca havia ido ao zoológico. “Essa foi uma oportunidade de realizar um passeio divertido. Ele nunca havia conhecido o zoológico devido à dificuldade de locomoção e graças à Hemominas, eu pude trazê-lo”, destaca Aparecida do Rosário Fernandes, mãe de Gabriel.

Rosalina de Jesus, 65, é uma das pacientes mais antigas da Fundação Hemominas. Fazendo acompanhamento e tratamento para anemia falciforme há aproximadamente 50 anos, ela não perde o humor e brinca dizendo que “a Hemominas cuida do corpo e da alma”.

Referência

A Fundação Hemominas é referência no diagnóstico e tratamento de pacientes portadores de coagulopatias e hemoglobinopatias em Minas Gerais, atendendo uma média diária de 120 pacientes no Hemocentro de Belo Horizonte. A instituição possui cerca de 7 mil pacientes em todo o Estado.

Na busca constante pela qualidade de vida do paciente, os ambulatórios da Fundação Hemominas investem em atividades lúdicas, como pintura, leitura de contos e brincadeiras, promovendo assim o bem-estar daqueles que procuram o ambulatório para tratamentos.

“A Fundação tenta amenizar da melhor forma as dificuldades que nossos pacientes encontram na sua vida”, ressalta Davidson de Oliveira Correa, pedagogo da Fundação Hemominas.

Atualmente, das 24 unidades que integram a rede Hemominas, 16 possuem atendimento ambulatorial para os pacientes, sendo elas: Belo Horizonte, Montes Claros, Governador Valadares, Divinópolis, Sete Lagoas, Juiz de Fora, Pouso Alegre, Patos de Minas, Uberaba, Uberlândia, Manhuaçu e Diamantina. As unidades que atendem, exclusivamente, os portadores de coagulopatias hereditárias são Ponte Nova, Ituiutaba, São João del-Rei e Passos.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/hemominas-organiza-passeio-para-lembrar-o-dia-do-paciente/

Gestão Anastasia: Rodovias estaduais de Passos, no Sul de Minas, terão segundo contrato do ProMG

Investimentos somam R$ 107 milhões e beneficiarão, diretamente, 23 municípios sob jurisdição do DER na região

Setop / Divulgação
Subsecretário Renato Andrade, secretário Carlos Melles,  José Elcio Monteze e demais autoridades e lideranças
Subsecretário Renato Andrade, secretário Carlos Melles, José Elcio Monteze e demais autoridades e lideranças

Por meio do Programa de Recuperação e Manutenção Rodoviária do Estado de Minas Gerais (ProMG), trezentos e noventa e seis quilômetros de rodovias estaduais da região de Passos, no Sul de Minas, serão recuperados e mantidos neste que já é o segundo contrato.

Com a assinatura da Ordem de Início, que aconteceu nesta quinta-feira (14), o secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, Carlos Melles, e o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER/MG), José Elcio Santos Monteze, autorizaram o Consórcio Tamasa – Pavidez a iniciar os serviços.

Os recursos somam R$ 107 milhões, incluindo material betuminoso, e beneficiarão, diretamente, 23 municípios sob jurisdição da 24ª Coordenadoria Regional do DER em Passos: Alpinópolis, Alterosa, Arceburgo, Areado, Capetinga, Capitólio, Carmo do Rio Claro, Cássia, Claraval, Conceição da Aparecida, Delfinópolis, Fortaleza de Minas, Guaranésia, Guaxupé, Ibiraci, Itamoji, Itaú de Minas, Passos, Pratápolis, São João Batista do Glória, São José da Barra, São Sebastião do Paraíso e São Tomás de Aquino.

“Este modelo de programa de recuperação e manutenção de rodovias que temos em Minas Gerais é inovador e reconhecido internacionalmente. Com as renovações dos contratos, como hoje está acontecendo aqui em Passos, a tendência é de que sempre ampliemos a quilometragem da rede contemplada, já que com as conclusões das pavimentações dos trechos de ProAcesso e Caminhos de Minas, os mesmos serão incluídos futuramente no ProMG”, destacou o secretário Carlos Melles.

Para o diretor-geral do DER/MG, José Elcio Monteze, o ProMG vai muito além da recuperação e melhoria das condições do pavimento. “Estamos preocupados em aumentar a segurança e o conforto dos usuários que trafegam em nossas estradas e com isso, ainda, estimulamos o crescimento econômico e diminuímos os custos dos transportes”, finalizou.

Região de Passos

Em 2007 foi assinado o primeiro contrato de quatro anos para execução de obras pelo ProMG, na região de Passos, através do qual foram investidos R$ 64 milhões na recuperação e manutenção rodoviária de 355 quilômetros de rodovias pavimentadas.

ProMG

A meta do ProMG para 2012 é recuperar 580 quilômetros, totalizando 6.010 quilômetros desde o início do Programa. Atualmente, nove Coordenadorias Regionais do DER/MG – Belo Horizonte, Barbacena, Ubá, Varginha, Oliveira, Ponte Nova, Formiga, Passos e Juiz de Fora – estão sob o regime de manutenção permanente.

De toda a malha rodoviária pavimentada de Minas Gerais, num total de 28.593 quilômetros, 20.301 quilômetros estão sob circunscrição estadual, o que corresponde a, aproximadamente, 70% das rodovias que cortam o Estado.

Estiveram presentes à solenidade, o deputado estadual, Antônio Carlos Arantes; o subsecretário de Política Urbana, Renato Andrade; representantes da Polícia Militar da região; prefeitos beneficiados e autoridades locais; funcionários do DER/MG e diretores do Consórcio que executará as obras.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/rodovias-estaduais-de-passos-no-sul-de-minas-terao-segundo-contrato-do-promg/

Governo de Minas: Seplag recebe inscrições para médico-perito, fisioterapeuta-perito e auxiliar de apoio logístico

Terminam dia 22 as inscrições para formação de cadastro de reserva para médico-perito, fisioterapeuta-perito e auxiliar de apoio logístico para a Unidade Pericial Central

Terminam no próximo dia 22 as inscrições para formação de cadastro de reserva para médico-perito, fisioterapeuta-perito e auxiliar de apoio logístico para a Unidade Pericial Central. As inscrições se estendem também para cadastro de reserva, somente para médico-perito, para as Unidades Periciais Regionais de Almenara, Araçuaí, Barbacena, Caratinga, Coronel Fabriciano, Curvelo, Diamantina, Divinópolis, Governador Valadares, Itabira, Janaúba, Juiz de Fora, Lavras, Leopoldina, Montes Claros, Muriaé, Paracatu, Passos, Patos de Minas, Poços de Caldas, Pouso Alegre, São João Del Rei, Sete Lagoas, Teófilo Otoni, Ubá, Uberaba, Uberlândia, Varginha, Viçosa.

De acordo com a Superintendência Central de Perícia Médica e Saúde Ocupacional, da Seplag, a remuneração prevista para médico-perito é de R$ 2.967,54 com carga horária semanal de 20h, fisioterapeuta-perito R$ 1.854,72 com carga horária semanal de 30h e auxiliar de apoio logístico: R$ 840,43 com carga horária semanal de 40h. Para mais informações, clique aqui.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/seplag-recebe-inscricoes-para-medico-perito-fisioterapeuta-perito-e-auxiliar-de-apoio-logistico/

Gestão Anastasia: Setop assina nesta quinta-feira ordem de serviço do ProMG no Sul de Minas

Contrato prevê investimento de R$ 107 milhões para manutenção de quase 400km de rodovias na região

 A Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop) e o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER/MG) assinam, nesta quinta-feira (14), Ordem de Início das obras do segundo contrato do Programa de Recuperação e Manutenção Rodoviária do Estado de Minas Gerais (ProMG), na região Sul, onde se localiza a 24ª Coordenadoria Regional do DER/MG, com sede em Passos.

Com duração de quatro anos, o contrato de manutenção do ProMG prevê investimento de R$ 107 milhões destinados à recuperação e manutenção de 396,8 quilômetros de rodovias estaduais pavimentadas. Atualmente, nove Coordenadorias Regionais do DER/MG – Belo Horizonte, Barbacena, Ubá, Varginha, Oliveira, Ponte Nova, Formiga, Passos e Juiz de Fora – estão sob o regime de manutenção continuada.

 

Ordem de Início ProMG de Passos

Dia: 14/06/2012 (quinta-feira)

Horário: 11 horas

Local: Sede do DER de Passos (Rua Doutor Carvalho, 1395, Bairro Belo Horizonte)

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/setop-assina-nesta-quinta-feira-ordem-de-servico-do-promg-no-sul-de-minas/

Gestão Anastasia: depósito avançado do Governo de Minas será inaugurado em Ubá

Agora, o Estado passa a contar com 14 centros de ajuda humanitária espalhados por diversas regiões de Minas

Osvaldo Afonso / Imprensa MG
Minas passa a contar com 14 depósitos, como o que foi inaugurado em janeiro em Pouso Alegre
Minas passa a contar com 14 depósitos, como o que foi inaugurado em janeiro em Pouso Alegre

Será inaugurado nesta quinta-feira (14), em Ubá, na Zona da Mata, mais um depósito avançado do Governo de Minas, sob articulação da Coordenadoria Estadual da Defesa Civil (Cedec-MG). O depósito, construído no 21º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais, receberá e armazenará material de ajuda humanitária e donativos adquiridos pela Cedec, que serão distribuídos aos municípios atingidos por desastres naturais.

O Coordenador Estadual de Defesa Civil de Minas Gerais, coronel PM Luis Carlos Dias Martins, explicou que, por meio dos depósitos avançados, é possível fazer com que os materiais de ajuda humanitária cheguem com mais rapidez às populações afetadas.

“A Cedec de Minas atua de forma descentralizada por meio de regionais de Defesa Civil que coincidem com as regiões da Polícia Militar. Temos 13 depósitos avançados que funcionam em instalações da Polícia Militar, para atender prontamente às demandas, além de ficarem mais próximos das comunidades afetadas. O município afetado faz a solicitação de ajuda humanitária pelo meio mais rápido possível, seja telefone, fax ou e-mail e, a partir daí, emitimos a autorização de retirada do material desses depósitos”, disse coronel Martins.

Posições estratégicas

O depósito avançado da Cedec em Ubá, que é o segundo construído com estrutura de PVC, tem capacidade de armazenar 1.500 cestas básicas, 500 colchões, 500 cobertores, 300 kits higiênicos, 300 kits de limpeza e dez bobinas de lona. O novo depósito tem 100 metros quadrados e 6 metros de altura, e atenderá a cerca de 90 municípios próximos a Ubá.

Com esse, são 14 os depósitos implantados, desde 2003, pelo Governo de Minas. Eles estão estrategicamente distribuídos por todas as regiões do Estado – Belo Horizonte, Barbacena, Bom Despacho, Diamantina, Governador Valadares, Lavras, Manhuaçu, Montes Claros, Passos, Pouso Alegre, Teófilo Otoni, Ubá, Uberaba e Uberlândia.

Durante a solenidade de inauguração, o coronel Martins fará uma homenagem especial ao prefeito de Ubá, Edvaldo Baião Albino, e ao comandante do 21° batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Carlos José Bratiliere, pelos serviços desempenhados em apoio à Defesa Civil de Minas Gerais.

Distribuição de ajuda humanitária

Nos períodos chuvosos de 2010/2011 e 2011/2012, foram distribuídos pelo antigo depósito de Ubá, quase 32 mil toneladas de alimentos, mais de dois mil colchões, dois mil cobertores, quatro mil telhas, além de kits de produtos de higiene pessoal, rolos de lonas, aos municípios da região afetados pelas chuvas. O armazenamento dos materiais era realizado em um espaço menor e não totalmente estruturado para a função.

Serviço: Inauguração do Depósito Regional da Defesa Civil em Ubá

Local: 21º Batalhão de Policia Militar – Rua Farmacêutico José Rodrigues de Andrade, n° 555, bairro São Sebastião

Data: 14 de junho de 2012, quinta-feira.

Horário: 15h30

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/deposito-avancado-do-governo-de-minas-sera-inaugurado-em-uba/

Gestão da Educação: Governo de Minas dá importante passo rumo à expansão do ensino superior

Grupo Executivo vai trabalhar pela estadualização das seis fundações associadas à Uemg

Divulgação/Sectes
Secretário Narcio Rodrigues assina acordo de resolução da posse do Grupo Executivo Pró-Estadualização
Secretário Narcio Rodrigues assina acordo de resolução da posse do Grupo Executivo Pró-Estadualização

Com os objetivos de promover cada vez mais o ensino, a pesquisa e a extensão, e desenvolver a integração dos setores da sociedade e das regiões do Estado, as secretarias de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes) e de Planejamento e Gestão (Seplag), a Advocacia Geral do Estado (AGE) e a Universidade do Estado de Minas Gerais (Uemg) empossaram o Grupo Executivo Pró-Estadualização para estudo e providências que culminarão na incorporação das seis instituições associadas à Uemg.

O Grupo Executivo foi instituído na Resolução Conjunta Sectes/Seplag/AGE/Uemg nº 01/2012, publicada no Diário Oficial do Estado de Minas Gerais em 26 de maio de 2012. Esse momento marca mais um importante passo do compromisso assumido pelo Governo de Minas para fortalecer as instituições de ensino superior administradas pelo Estado, como a Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) e a Fundação Helena Antipoff (FHA), além da própria Uemg. O projeto é coordenado pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes).

Nove servidores públicos integram o Grupo Executivo, são eles: Adriane Ricieri Brito, Fernanda de Siqueira Neves e Renata Couto de Faria, pela Seplag; Liana Portilho Mattos e Sérgio Pessoa de Paula Castro, pela AGE; Giovânio Aguiar e Silvana Regina Paslauski, pela Uemg; Ana Paula Guerra Marques dos Reis, Leandro Alves Lima e Izabela Boaventura Cruz Carvalho, pela Sectes.

O sonho de que a Uemg se torne a terceira maior instituição de ensino superior do Estado foi destacado pelo reitor da universidade, Dijon Moraes Júnior, que também ressaltou o momento como um importante marco para a instituição. “Tenho certeza de que com este grupo, que está sendo empossado hoje, e que foi estrategicamente pensado, teremos mais facilidade no processo de estadualização. Um projeto grande e audacioso, que irá gerar um pacto social muito grande no Estado”, afirma o reitor.

A presidente da Fundação Educacional do Vale do Jequitinhonha (Fevale), Silvana Regina Paslauski, foi empossada coordenadora do Grupo Executivo e destacou o trabalho conjunto em prol de todas as fundações. “A responsabilidade do grupo é redobrada no que diz respeito às expectativas que foram levantadas ao longo dos anos”, disse.

Já para o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Narcio Rodrigues, o momento é de fundamental importância para a expansão do ensino superior em Minas. “Pretendemos com este grupo alcançar soluções e alternativas que nos permitam avançar rapidamente, para que o processo de estadualização esteja inteiramente completo até o ano de 2014. Porém, não podemos avançar sem ter um estudo definido em que possamos contribuir para que esse processo seja feito com qualidade”, finaliza Narcio Rodrigues.

Uemg em Minas

Com a estadualização das associadas, a Uemg poderá marcar definitivamente a sua presença nos municípios de Campanha, Carangola, Diamantina, Passos, Ituiutaba e Divinópolis, somando 12 campi no Estado. Estima-se que com a estadualização, a universidade passe a ter cerca de 20 mil alunos, se tornando a terceira maior de Minas Gerais.

O Grupo Executivo vai ser responsável por incorporar seis fundações que hoje são associadas à Uemg, são elas: Fundação Fafile de Carangola; Fundação Educacional de Divinópolis (Funedi); Fundação Educacional do Vale do Jequitinhonha (Fevale), de Diamantina; Fundação Educacional de Ituituaba (Feit); Fundação Cultural Campanha da Princesa (FCCP), de Campanha; e Fundação de Ensino Superior de Passos (Fesp).

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-da-importante-passo-rumo-a-expansao-do-ensino-superior/

Gestão em Minas: Turismo de negócios impulsiona investimentos na rede hoteleira de Divinópolis

O município receberá R$ 6,5 milhões de investimentos com a implantação de unidade hoteleira

Osvaldo Afonso / Imprensa MG
Investimento confirma o fortalecimento da economia mineira e o crescimento do turismo de negócios no Estado
Investimento confirma o fortalecimento da economia mineira e o crescimento do turismo de negócios no Estado

A rede hoteleira de Minas Gerais ganhou novo impulso com o anúncio da construção de 21 hotéis da Emcorp Empreendimentos e Incorporações S.A em várias regiões do Estado. Com investimentos previstos de R$ 236 milhões, o protocolo de intenções foi assinado, nesta terça-feira (15), por intermédio do Instituto de Desenvolvimento Integrado de Minas Gerais (Indi), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede). Uma das cidades contempladas com a construção de hotéis será Divinópolis, no Centro Oeste.

Além da unidade de Divinópolis, a Emcorp Empreendimentos e Incorporações Ltda. irá construir outras 20 unidades em 19 cidades mineiras: Alfenas, Itajubá, Passos, Pouso Alegre, Varginha, Lagoa Santa, Sete Lagoas, Betim, Uberlândia, Congonhas do Campo, Juiz de Fora, Montes Claros, Governador Valadares, Ipatinga, Ribeirão das Neves, Teófilo Otoni, Barbacena, Araguari e Itabira. Ao todo, serão gerados 870 empregos, sendo 520 diretos e outros 350 indiretos.

Segundo a secretária de Desenvolvimento Econômico, Dorothea Werneck, o anúncio confirma o fortalecimento da economia mineira e o crescimento do turismo de negócios no Estado. “Investimentos como esse que serão realizados no interior do Estado mostram que estamos trabalhando no caminho certo, para desenvolvermos todas as regiões de Minas”, afirma.

Durante a reunião, o vice-presidente da empresa, Gilberto Monteiro Siqueira, explicou que o maior investimento, no valor de R$105 milhões, será feito em Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, onde será construído um centro de convenções. Os outros 20 empreendimentos previstos no projeto da Emcorp contarão com 100 unidades habitacionais cada e o investimento previsto para cada hotel é de R$ 6,5 milhões. “O Wyndham Garden terá 480 apartamentos e um centro de convenções para cinco mil pessoas com o objetivo de receber grandes eventos. Os demais hotéis serão construídos dentro do que chamamos de Projeto Super 8, que prioriza a construção dos hotéis nas proximidades de rodovias. Todos eles com o padrão da hotelaria americana”, detalha.

A escolha de Minas Gerais para ser a receber todos os empreendimentos, de acordo com o presidente da empresa, Danilo Gonçalves da Fonseca, pode ser atribuída ao crescimento do turismo de negócios no Estado e pela atuação estratégica do Governo de Minas. “Entendemos que o diferencial de termos nossos empreendimentos próximos às rodovias, impulsiona a demanda de empresários e investidores. Além disso, a visão do Governo de Minas em desenvolver o entorno do Aeroporto Internacional Tancredo Neves e o interior do Estado é muito interessante para o sucesso do nosso negócio”, explica.

Dados do setor

Minas Gerais tem se destacado no cenário nacional do turismo de negócios, atraindo, cada vez mais feiras, congressos e reuniões de diversos setores. Há 43 hotéis em construção e outros vinte e três projetos em fase de licenciamento na prefeitura. O investimento total nesses empreendimentos é quase 2 bilhões de reais e fará, até 2014, dobrar o volume de leitos na metrópole. Hoje, existem 9.000 distribuídos em 107 hotéis, segundo dados da Secretaria de Estado Extraordinária da Copa do Mundo de Minas Gerais (Secopa-MG).

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/turismo-de-negocios-impulsiona-investimentos-na-rede-hoteleira-de-divinopolis/