Arquivos do Blog

Governo de Minas: Governador Antonio Anastasia reúne comando da Defesa Social do Estado

Encontro contou com a participação de representantes das 18 Regiões Integradas de Segurança Pública de Minas

O governador Antonio Anastasia abriu, nesta quarta-feira (06), no Palácio Tiradentes, a reunião estratégica de alinhamento de ações das 18 Regiões Integradas de Segurança Pública (Risps) de Minas Gerais. O evento reuniu representantes da Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), da Polícia Militar, da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros de todo o Estado, e teve como objetivo a apresentação do novo formato da metodologia Integração da Gestão em Segurança Pública (Igesp) e das ações do Plano Integrado de Enfrentamento à Violência. O Plano foi lançado no último mês e compila investimentos da ordem de R$ 225 milhões, apenas para este ano, em ações, novos métodos e obras para todo o sistema de segurança pública.

Na abertura do evento, o governador fez questão de ressaltar a importância da integração entre as polícias Civil e Militar, a fim de dar respostas cada vez mais rápidas e efetivas à sociedade mineira. “A integração é como a coluna vertebral fundamental de toda a nossa política de segurança pública, na qual as Risps, naturalmente, são o instrumento de ação mais veemente”, afirmou o governador.

Anastasia também destacou o valor das instituições de defesa social mineiras. “Tenho certeza absoluta que, sob o comando operacional da Secretaria de Estado de Defesa Social, estão as melhores instituições do Brasil nessa área. Temos que transformá-las cada vez mais em instrumento de defesa da sociedade para que as pessoas sintam-se protegidas e tenham a sensação subjetiva de segurança. Por isso, os instrumentos de integração, especialmente o Igesp, são fundamentais”, disse o governador.

Investimentos e queda nos índices

O secretário de Defesa Social, Rômulo de Carvalho Ferraz, também fez questão de ressaltar a importância dos esforços concentrados e integrados das polícias na busca da redução da criminalidade. Segundo ele, um dos novos instrumentos de trabalho do Igesp, o Comitê Interinstitucional de Monitoramento e Repressão dos Crimes Violentos, já trouxe impactos na redução de 15% dos homicídios, na região metropolitana, entre os meses de março e abril deste ano.

“O trabalho intensificado de monitoramento do número de homicídios, com a participação direta do próprio secretário, do comandante geral da Polícia Militar, do chefe da Polícia Civil e de representantes do Ministério Público, foi iniciado com as Risps da Região Metropolitana e agora segue para todo o Estado”.

O secretário também falou sobre ações importantes de prevenção e repressão à violência, contidas no Plano Integrado de Enfrentamento, como a Criação do Centro Integrado de Comando e Controle, que reunirá, em um mesmo espaço, as polícias Civil, Militar e Federal, o Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal, a Defesa Civil e agentes da Prefeitura Municipal, congregando trabalhos de inteligência e otimizando recursos. Ele também destacou a contratação imediata de mais de três mil novos agentes prisionais e criação de três novos Centros de Prevenção à Criminalidade, com os Programas Fica Vivo! e Mediação de Conflitos. “Conseguimos financiamentos importantes com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES), que somam R$ 275 milhões e serão empregados nas instituições que compõem o Sistema Integrado de Defesa Social”.

Vigor para as instituições

O comandante geral da Polícia Militar, coronel Márcio Martins Sant`Ana, fez questão de salientar a importância da criação de novos programas, como o Cinturão Rodoviário, e da ampliação do Polícia e Família, como saltos para as ações PM nos próximos anos. O chefe da Polícia Civil, delegado geral Cylton Brandão da Matta, também falou do aporte de recursos que a instituição receberá em 2012 e da nomeação de concursados, para composição do quadro de pessoal da Civil. O comandante geral do Corpo de Bombeiros, Sílvio Antônio de Melo, ressaltou a compra de viaturas, equipamentos e a intensificação das vistorias preventivas como metas para os próximos meses.

Ampliações do Igesp

A metodologia Integração da Gestão em Segurança Pública, responsável pela queda de quase 50% na criminalidade violenta do Estado nos últimos oito anos, ganha novas estruturas e comissões neste ano.

A partir do final deste mês, o Colegiado de Integração de Defesa Social, composto pela cúpula da Seds, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, inicia reuniões nas Risps do interior. A ideia é que nestes encontros sejam realizados diagnósticos regionalizados da criminalidade violenta, com estabelecimento de estratégias e metas objetivas de combate à criminalidade. A dinâmica já foi iniciada nas três Risps da Região Metropolitana de Belo Horizonte e conta com a participação do Ministério Público, acordada no último mês por meio de assinatura de termo de cooperação técnica.

Também será implementado, em 2012, o Igesp Temático de Proteção Pública, voltado para o acompanhamento das metas definidas no ano para o Corpo de Bombeiros. Entre as metas, merece destaque o combate às queimadas naturais nos períodos de estiagem.

Desde maio, a integração também conta com mais um instrumento para monitoramento e combate à prática de crimes violentos. Foi criado o Comitê Interinstitucional de Monitoramento e Repressão de Crimes Violentos, para acompanhamento diário dos índices de criminalidade violenta e proposição medidas de contenção e repressão das diversas modalidades criminosas em todas as 18 Risps. Já foram realizadas reuniões com as Risps de Montes Claros e Ipatinga.

A reunião com as 18 Risps contou com a participação da cúpula da Defesa Social, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, além de chefes de departamentos regionais, chefes de departamentos das delegacias especializadas e superintendentes da PC, comandantes das regiões da PM, e comandantes de batalhões do Corpo de Bombeiros.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governador-antonio-anastasia-reune-comando-da-defesa-social-do-estado/

Anastasia participa da entrega do Título de Cidadão Honorário de BH ao coronel Luis Carlos Dias Martins

A solenidade foi realizada nesta segunda-feira (13), na Câmara Municipal de Belo Horizonte.

Omar Freire/Imprensa MG
Antonio Anastasia, Alexandre Gomes, coronel Luis Carlos Dias Martins e Pablito
Antonio Anastasia, Alexandre Gomes, coronel Luis Carlos Dias Martins e Pablito

O governador Antonio Anastasia participou, nesta segunda-feira (13), na Câmara Municipal de BH, da solenidade de entrega do Título de Cidadão Honorário de Belo Horizonte ao chefe do Gabinete Militar e coordenador estadual de Defesa Civil de Minas Gerais, coronel Luis Carlos Dias Martins. Formado em Direito pela PUC Minas, coronel Martins integra os quadros da Polícia Militar há 29 anos. Tem especialização em Gestão Estratégica e Segurança Pública, pela Fundação João Pinheiro, e em Gestão em Segurança Pública, pela UFMG.

Fonte: Agência Minas