Arquivos do Blog

Governo de Minas: Banda de Música é atração neste final de semana em Manhuaçu

Além de ouvir boa música, público também receberá dicas de prevenção a acidentes

 

A Banda de Música do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) é a grande atração, neste domingo (3), no 3º Encontro de Bandas de Manhuaçu, na Zona da Mata. O evento integra o Projeto Circuito de Encontros de Bandas de Música e terá a participação dos Estados do Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Sergipe, em um total de 17 agremiações musicais. Além de música, o público terá a disposição orientações sobre cuidados para prevenir diversos tipos de acidentes.

A abertura do encontro será às 9h, no centro da cidade, mas já às 7h haverá uma alvorada promovida pela Banda de Música do 11º Batalhão da Polícia Militar, no Bairro Santo Antônio, próximo ao Estádio JK, de onde todos sairão rumo ao centro. Além das bandas, o evento vai trazer também outras atrações como feira de artesanato, atendimento de saúde, cursos e oficinas do Senac.

Com repertório eclético, a Banda do Corpo de Bombeiros promete repetir o sucesso mostrado na edição do evento em 2011. A apresentação será às 10h, com a participação do boneco Foguinho, mascote dos bombeiros que fará a recepção ao público e distribuição de cartilhas de prevenção a acidentes.

Considerada uma das mais antigas e tradicionais do Estado, a Banda de Música do Corpo de Bombeiros nasceu no dia 9 de setembro de 1927, regida pelo sargento Balbino de Sousa. Desde a sua criação, ela tem sido um elo de relacionamento com a população, presente em paradas, desfiles e solenidades cívicas e militares. Atualmente, a banda é formada por 34 músicos, sob a regência do subtenente Marcos Soel.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/banda-de-musica-e-atracao-neste-final-de-semana-em-manhuacu/

Governo de Minas: Corpo de Bombeiros lança Operação Carnaval 2012

Foco será nas atividades educativas e de prevenção a afogamentos e acidentes

Divulgação/CBMMG
Durante os dias de festa, serão empregados 3,3 mil bombeiros em todo o Estado
Durante os dias de festa, serão empregados 3,3 mil bombeiros em todo o Estado

Reduzir o número de afogamentos e acidentes, além de fazer com que a população aproveite a folia com mais segurança. Esses são os principais objetivos da Operação Carnaval, que será lançada pelo Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) na próxima sexta-feira (17). Este ano, o foco da operação será nas ações de prevenção e orientação à população. Durante a ação, que termina na Quarta-feira de Cinzas (22), também serão implantados pontos base nas principais rodovias que cortam o Estado e realizadas vistorias em locais com grande concentração de pessoas.

De acordo com o major Gouveia, do Comando de Operações do Corpo de Bombeiros, os batalhões instalados em Belo Horizonte e no interior poderão reforçar essas estratégias de acordo com as características de sua região. “Nosso objetivo é prestar um serviço eficiente e garantir que todos os mineiros e turistas possam brincar o Carnaval, com toda a segurança”, afirma o oficial.

A operação Carnaval também é um reforço da operação Veranico, lançada no dia 21 de janeiro. Até o mês de março, equipes de bombeiros permanecerão de plantão nos finais de semana, em locais de grade concentração de pessoas, como lagoas, represas e cachoeiras.

Durante os dias de festa, serão empregados 3,3 mil bombeiros em todo o Estado. Em Montes Claros, no Norte de Minas, e Governador Valadares, no Leste do Estado, regiões que concentram, juntas, 85 balneários, 566 militares estarão de prontidão. Toda a atividade será apoiada pelo Batalhão de Operações Aéreas, com dois helicópteros Arcanjo.

As equipes estão intensificando o seu treinamento para atuarem durante os dias de folia. A primeira etapa, realizada nos dias 9 e 10 de fevereiro, envolveu a formação de 22 multiplicadores, que vão disseminar os conhecimentos em todos os batalhões, pelotões e companhias do interior. Já a segunda etapa, realizada até o dia 16, vai enfatizar o treinamento em salvamento aquático para os 192 bombeiros que atuarão como guarda-vidas em balneários. Todas as atividades envolverão instruções de salvamento em piscinas, lagos e rios, com instrução prática nesses locais. Durante as aulas, serão utilizados equipamentos como barcos motorizados, botes infláveis e Jet Ski.

Além de preparação de seu pessoal, o Corpo de Bombeiros vai investir também nas ações educativas em todo o Estado, com distribuição de material informativo e orientação à população sobre as principais condutas preventivas para evitar os acidentes.

Cidades Históricas

As cidades históricas de Mariana, Sabará, Ouro Preto, Tiradentes, São João del-Rei e Diamantina vão receber um reforço de equipes de bombeiros durante o Carnaval. Além de bombeiros do efetivo dos Batalhões e pelotões, será acionado o efetivo de um batalhão emergencial. Apenas em Diamantina, no Vale do Jequitinhonha, cidade com 44 mil habitantes, são esperados cerca de 60 mil foliões nos quatro dias de festa.

Pontos base do Corpo de Bombeiros durante o Carnaval

BR 040 – cruzamento com BR 356, próximo ao Alphaville (Sta Lúcia)
BR 040 – km 568, Posto da Receita Estadual (Sede)
MG 262 – Trevo de Mariana (Ouro Preto)
Trevo do Bairro Betânia (BH) – Anel Rodoviário (Barreiro)
BR 381 – Entrada do Município de Igarapé/MG (REGAP)
BR 040 – Bairro Veneza, Ribeirão das Neves/MG (Ribeirão das Neves)
BR040/262 – Bairro João Pinheiro, Posto de Combustível Ipiranga, BH/MG (Ceasa)
BR 262 – Trevo de Juatuba, Posto da Receita Estadual (Juatuba)
BR 381, Trecho Ravena / Caeté (Caiçara/Sabará)
BR 381- Trevo de Barão de Cocais (Nova União)
MG 010, km 22 Posto da PMMG (Vespasiano)
MG 010/MG 424 – Sentido Prudente de Morais (PA Venda Nova)
BR 040 – no posto da PRF, km 765, próximo ao bairro Dias Tavares (Sede)
MG 353 – Posto PMMG, próximo ao bairro Grama (Sede)
BR 040 – km 700, Trevo- Posto Cabana (Barbacena)
MG 383 – sentido a Entre Rios de Minas (São João Del Rei)
BR 040 – Posto da PRF, Congonhas (Conselheiro Lafaiete)
BR 265 – Posto PMMG (Ubá)
BR 116 – Posto da PRF (Muriaé)
MG 497 – Km 55 posto Cinqüentão, sentido Prata/MG (Sede)
BR 365 – Posto Parada Bonita (Sede)
BR 365 – Próximo ao Posto Doidão, sentido Uberlândia (Patrocínio)
BR 354 – KM 18, próximo à Pamonharia do Agnaldo (Patos de Minas)
BR 251 – Unidade SAAE/Unaí – sentido Brasília (Unaí)
BR 365 – TREVÃO (Ituiutaba)
BR 050 – posto da PRF sentido Uberlândia (Araguari)
BR 040 – km 47, sentido Brasília Posto da PRF de Paracatu (Patos de Minas)
BR 381 – sentido a Belo Oriente em frente ao estádio Ipatingão (Ipatinga)
BR 381 – km 346, Próximo ao Cinco Estrelas (Itabira)
MG 111 – Alto Caparaó (Manhuaçú)
BR 116 – próximo ao Posto da PRF (Teófilo Otoni)
BR 116 – com BR 381, sentido Alpercata (Sede)
BR 458 – próximo à estação de tratamento de água da COPASA (Cel. Fabriciano)
BR 135 – KM 375, Posto da PRF, saída para BH/MG (Sede)
BR 251 – KM 513, Posto da Receita Estadual (P.A Rio Verde)
BR 251 – Sentido Rodovia Rio/Bahia, Salinas/MG (Sede)
MG 122 – KM 15, sentido a Porteirinha (Janaúba)
MGC 259 – km 01, entroncamento com a BR 135, Curvelo/MG (Curvelo)
BR 367 – km 590 próximo ao Ponto Real D’Ávila (Diamantina)
BR 365 – Km 154, posto PRF sentido a Jequitaí (Pirapora)
BR 135 com BR 040 – sentido Pompéu (Sete Lagoas)
BR 050 – Posto da PRF (Sede)
MG 427 – Posto da PMMG (Sede)
BR 262 – Posto da PRF, sentido a Uberaba (Araxá)
BR 153 – Posto PRF em Frutal (Frutal)
MG 167 – Próximo ao Posto Geraldo Lima (Sede)
BR 381 – KM 742, Rod. Fernão Dias, Posto Novo Rio (Três Corações)
BR 265 – Trevo de Ribeirão Vermelho/MG (Lavras)
BR 459 – km 12, Próximo à PRF, saída de P. de Caldas/Pouso Alegre (P. de Caldas)
BR 146 – km 530, bairro Cohab (Poços de Caldas)
BR 491 – Trevo com MG 179, Alfenas/MG (Alfenas)
BR 381 – Km 870, Posto da PRF, Bairro Cruz Alta (Pouso Alegre)
MG 290 – KM 01, Posto da PRE , bairro Vista Alegre (Pouso Alegre)
BR 459 – Próximo ao Distrito Industrial de Itajubá/Piranguinho (Itajubá)

Fonte: Agência Minas

Governo de Minas: Brigada de Incêndio da Cidade Administrativa fará simulados nos prédios em 2012

BELO HORIZONTE (09/01/12) – A formação da Brigada de Incêndio da Cidade Administrativa, iniciada em março de 2011, foi o primeiro passo para que a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), o Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) e a Intendência do complexo estabelecessem um cronograma de ações preventivas de segurança na sede do poder estadual. As turmas capacitadas receberam 20 horas de treinamento em atendimentos de primeiros socorros e combate a princípios de incêndio, entre aulas teóricas e práticas.

Essa primeira etapa foi concluída em novembro do ano passado, quando foram certificados 85 grupos, com um total de 1.610 brigadistas, considerado o maior efetivo do país. Hoje, percorrendo as dependências dos prédios é comum encontrar vários membros da brigada com o colete sobre a cadeira. “Depende de cada membro integrante tornar a nossa brigada forte e confiável. Portanto, não é possível esquecer o uso do colete”, alerta o 2º Sargento Marcelo Lima, coordenador interino da Brigada de Incêndio.

Como estratégia de organização, alguns brigadistas são designados líderes de setor, que respondem pela segurança dos colegas de trabalho em sua área específica. Em cada andar dos edifícios também há um brigadista nomeado líder de pavimento. Dessa forma, cada situação fora do comum verificada por um líder de setor deve ser levada ao líder de pavimento, que por sua vez encaminha a informação ao coordenador da Brigada.

“Nós temos uma média de 60 a 90 brigadistas em cada andar, e fica difícil acompanhar os relatos de todos eles ao mesmo tempo. Por isso, fizemos dessa forma. Um trabalho integrado entre o líder de setor e o de pavimento, para um acompanhamento ainda mais eficaz”, explica o sargento Lima. No terceiro andar do prédio Gerais, um dos líderes de pavimento é o gestor de Tecnologia da Informação e Comunicação da Intendência, William Peter. Para ele, assumir tal responsabilidade é estar atendo aos procedimentos repassados pelos coordenadores.

“Tivemos algumas reuniões com todos os líderes e a coordenação da brigada, que nos passa informações importantes sobre o dia a dia na Cidade Administrativa, discutindo procedimentos e informando os nosso colegas sobre alguma atividade que venha a ser desempenhada”, disse William.

Metas

Um rigoroso esquema de segurança será implementado em 2012 para assegurar a efetiva atuação da brigada, de acordo com um cronograma estabelecido no Plano de Emergência, aprovado pela diretoria de assuntos institucionais do CBMMG e a Seplag. O simulado de abandono dos edifícios é um exemplo. Todos os servidores terão de deixar as estações de trabalho através das escadas de emergência e, em seguida, serão levados a um local seguro.

“São vários simulados previstos para ocorrer ao longo do ano e, no começo, as pessoas serão informadas com antecedência para não serem pegas de surpresa. Mas poderão haver simulações sem aviso prévio”, conta o sargento Lima. A previsão é de que o primeiro simulado de abandono ocorra na última semana de janeiro.

Os brigadistas vão participar ainda de seminários com especialistas em prevenção de incêndios e outros tipos de acidentes, agendados para junho deste ano. A partir desse período, será dado início aos treinamentos de reciclagem, para que nenhuma lição aprendida caia no esquecimento. O sargento Lima não descarta a possibilidade de que novos membros ingressem na brigada para compensar a ausência dos servidores que se aposentam ou deixam de trabalhar na sede do governo.

De acordo com a intendente da Cidade Administrativa, Kênnya Kreppel, o desafio para esses servidores da brigada será ainda maior, na medida em que eles assumem novas responsabilidades. “Nesta etapa, temos um novo desafio que é garantir a participação de todos que aqui trabalham, isto porque para efetividade dos simulados, 100% dos servidores deverão abandonar suas estações de trabalho. Todo este esforço é imprescindível para que seja mantida a segurança do complexo, conclui.

Fonte: Agência Minas