Arquivos do Blog

Gestão Anastasia: cooperação entre Minas e França amplia parceria entre países

Cem mil euros serão investidos em Minas gerais pela organização francesa

Janice Drumond
Myriam Cau, Adriano Magalhães e Dov Zeran registram parceria
Myriam Cau, Adriano Magalhães e Dov Zeran registram parceria

O Governo de Minas e Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD – L’Agence Française de Développement) assinaram, nesta quarta (20), durante a Rio+20, um termo de cooperação técnica que envolve parcerias em estudos sobre desenvolvimento econômico, ensino superior e pesquisa, cultura e patrimônio e meio ambiente. O acordo internacional é o mais amplo já assinado por Minas Gerais na esfera internacional.

A cooperação é um desdobramento de um acordo entre Minas Gerais e o estado francês de Nord-Pas de Calais, firmado em 2009. Pela parceria, já são desenvolvidos trabalhos conjuntos nas áreas de gestão de unidades de conservação e na reconversão de territórios utilizados, como os explorados por mineração e que já não são mais aproveitados.

Serão investidos cem mil euros pela organização francesa em Minas Gerais. Na área ambiental, o projeto prevê a aplicação dos recursos em projetos já em curso nas áreas de mobilidade urbana, na elaboração de um plano de energia e clima, na gestão de resíduos sólidos e na criação de um pólo tecnológico.

Para o secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Adriano Magalhães, o acordo amplia a parceria e a troca de experiências com o país europeu. “Minas tem muito a aprender com a França, especialmente com Nord-Pas de Calais, que teve um forte período de mineração”, afirma.

O diretor-geral da AFD, Dov Zeran, observa que a cooperação internacional é uma vocação da organização. “A Agência já nasceu internacional em 1941, em Londres, das mãos de Charles de Gaulle, durante a Segunda Guerra Mundial”, destaca.

A vice-presidente de Nord-Pas de Calais, Myriam Cau, afirma que o estado francês tem interesse especial nas áreas de cultura, biodiversidade e eco tecnologia e já aponta possíveis parcerias futuras. “Temos uma experiência local de uso de resíduos sólidos urbanos para geração de combustível para a frota de transporte público urbano que pode ser aproveitada no Brasil”, observa.

O termo de cooperação técnica foi assinado no estande do Governo de Minas no Parque dos Atletas, parte da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20. Estiveram presentes os dirigentes do Instituto Estadual de Florestas, Marcos Ortiz, da Fundação Estadual de Meio Ambiente, Ilmar Bastos e a subsecretária de Controle e Fiscallização Integrada, Marília Melo.

Outras informações sobre as iniciativas do Estado alinhadas com os temas debatidos na Rio+20 no hot site do Governo de Minas sobre o assunto.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/cooperacao-entre-minas-e-franca-amplia-parceria-entre-paises/