Arquivos do Blog

Governo de Minas: Travessia Social vai construir módulos sanitários para moradores de 12 cidades

Serão 868 construções com estrutura completa e 923 domicílios beneficiados

Asscom/Sedese
Representantes dos municípios foram capacitados para execução das ações
Representantes dos municípios foram capacitados para execução das ações

Moradores de 12 municípios atendidos pelo Travessia Social vão ganhar módulos sanitários em seus domicílios. Serão 868 construções que consistem em uma estrutura completa (revestimento de cerâmica, pia, chuveiro e tanques). Desse total, nove serão adaptados a pessoas com deficiência. Além disso, outros 55 passarão por reforma, totalizando 923 domicílios beneficiados. Os representantes das cidades envolvidas foram capacitados nesta quinta-feira (31), na Cidade Administrativa, para execução das ações. A previsão é que as atividades tenham início até o final de junho.

A assistente social e interlocutora do Travessia no município de Mato Verde, no Norte de Minas, Bárbara Souza, ressaltou que a capacitação é fundamental para acertar na prestação do serviço para a população.  “A capacitação foi essencial para facilitar o desenvolvimento do projeto. Vamos levar qualidade de vida à população, porque muitos ainda usam a fossa ou não têm nem isso”, destacou.

O Travessia Social faz parte do novo escopo do Programa Travessia, coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), e é desenvolvido  com o objetivo de minimizar as privações sociais identificadas nos domicílios, por meio do diagnóstico do Porta a Porta, promovendo a Travessia da população para uma situação de inclusão social. Assim, o Travessia Social atua principalmente com intervenções nos domicílios, como construção de módulos sanitários, melhorias habitacionais, construção de poços artesianos e aquisição de bens domésticos.

Cidades atendidas

Manga, Janaúba, Mato Verde, Catuti, Gameleiras, Porteirinha, Espinosa, Jaíba, Mamonas, Matias Cardoso, Monte Azul e Verdelândia.

Porta a Porta

Lançado em 2011 pelo Governo de Minas e também coordenado pela Sedese, o Porta a Porta promove, de casa em casa, a busca ativa para identificar as reais necessidades das famílias em situação de vulnerabilidade social e, assim, subsidiar as ações do Programa Travessia. No ano passado, mais de 128 mil domicílios foram visitados pelo Porta a Porta, em 59 cidades. Neste ano, outras 71 cidades foram beneficiadas com a iniciativa.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/travessia-social-vai-construir-modulos-sanitarios-para-moradores-de-12-cidades/