Arquivos do Blog

Gestão em Minas: Cemig registra lucro de R$ 631 milhões no primeiro trimestre

Resultado reflete acerto na estratégia de crescimento via aquisições e novos projetos

Nesta segunda-feira (14), Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) apresentou os resultados apurados no primeiro trimestre de 2012. No período, o lucro líquido consolidado da empresa atingiu R$ 631 milhões. Em comparação com o mesmo período do ano passado, houve crescimento de 20%. Já a receita operacional líquida somou R$ 4 bilhões frente a um faturamento de R$ 3,6 bilhões no terceiro trimestre do ano passado.

Para o diretor de Finanças e Relações com Investidores da Cemig, Luiz Fernando Rolla, esse novo patamar de resultados reflete o acerto da estratégia de crescimento via aquisições e novos projetos, dentro do processo de consolidação do setor. “Nossa sólida posição de caixa de R$ 2,2 bilhões possibilita a execução do Plano Diretor, assegurando nossa política de dividendos e gestão da dívida, com a execução dos investimentos previstos, inclusive os associados às oportunidades de aquisições. Os excelentes resultados que agora apresentamos demonstram que continuamos agregando valor, de forma contínua e sustentável, a todos nossos acionistas e demais partes interessadas”, destaca.

No primeiro trimestre de 2012, a geração de caixa medida pelo Lajida (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de R$ 1,4 bilhão, com um crescimento de 11% sobre o mesmo período do ano passado. “O aumento do Lajida deve-se, principalmente, ao aumento de 15,05% na receita, compensado parcialmente pelo aumento de 17,04% nos custos e despesas operacionais, excluídos os efeitos da depreciação e amortização”, explica Luiz Fernando Rolla.

As vendas totais no último trimestre atingiram 18.619 GWh, com crescimento de 2,6% em relação ao mesmo período do ano passado. A receita com fornecimento bruto de energia elétrica foi de R$ 4,5 bilhões, no primeiro trimestre de 2012. Em comparação aos R$ 3,9 bilhões no primeiro trimestre do ano anterior, houve aumento de 16,23%. Já a receita com energia vendida a consumidores finais, excluindo consumo próprio, foi de R$ 4 bilhões.

O consumo de energia elétrica na área de concessão da Cemig no primeiro trimestre teve crescimento de 3,5% em relação ao mesmo período de 2011. O resultado é consequência do constante aumento na carteira de clientes Cemig, que atingiu 11,5 milhões de consumidores, crescimento de 3,1%, em relação ao mesmo período do ano anterior. Desse total de consumidores, a Cemig Distribuição atende 7,3 milhões, com crescimento de 3,6%, a Light atende 4,1 milhões, com crescimento de 2,3%, a Cemig GT tem 300 clientes, com crescimento de 12,8%, e as empresas controladas e coligadas têm 22 clientes.

Grupo Cemig

Prestes a completar 60 anos, a Cemig é um dos mais sólidos grupos do segmento de energia elétrica do Brasil e se posiciona como um dos principais vetores de consolidação do setor elétrico brasileiro. Possui participações em 114 sociedades, 15 consórcios e um fundo de participação, com ativos e negócios em 22 Estados brasileiros e no Distrito Federal, além do Chile, e alcançou a posição de maior grupo do setor de energia elétrica em valor de mercado na América Latina.

Hoje, a Cemig é a maior empresa integrada do setor de energia elétrica do Brasil, sendo o maior grupo distribuidor, responsável por aproximadamente 12% do mercado nacional. É ainda o terceiro maior grupo transmissor, com 10.060 km de linha, e o terceiro maior grupo gerador, com um parque formado por 65 usinas hidrelétricas, térmicas e eólicas, e capacidade instalada de 6.964 GW. É ainda a maior fornecedora de energia para clientes livres do país, com 25% do mercado. Conta com mais de 115 mil acionistas em 44 países e ações negociadas nas Bolsas de Valores de Nova York, Madri e São Paulo.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/cemig-registra-lucro-de-r-631-milhoes-no-primeiro-trimestre/