Governo Antonio Anastasia: Seminário da Defesa Civil destaca necessidade de municípios investirem em planejamento e prevenção de desastres naturais

Encontro de especialistas e gestores públicos avaliou as ações empenhadas pela Cedec durante o período chuvoso 2011/2012.

Investir em ações de planejamento e de prevenção e estruturar as comissões municipais de defesa civil para que os diversos segmentos da sociedade sejam conscientizados sobre a importância da prevenção contra os desastres provocados pela natureza. Essas foram algumas das conclusões de seminário realizado nesta quinta-feira (31), em Belo Horizonte, pela Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), com o objetivo de avaliar as ações implementadas pelo Governo de Minas e prefeituras municipais, durante o período chuvoso 2011/2012.

O coordenador estadual de Defesa Civil e chefe do Gabinete Militar do Governo do Estado, coronel Luiz Carlos Dias Martins destacou a importância da união de esforços na implementação de ações de planejamento e prevenção contra desastres naturais.

“Independente de qualquer posição político partidária, o governador Antonio Anastasia já determinou à Cedec que sejam tomadas todas as providências necessárias para auxiliar as prefeituras em casos de problemas causados por chuvas, seca ou qualquer outro desastre que venha a ocorrer no Estado. Porém, para que a população sofra o menor impacto possível, seja pelo excesso de chuvas, estiagens prolongadas ou alguma outra adversidade, é necessário que os municípios tenham bem estruturadas e planejadas suas comissões municipais de defesa civil”, ressaltou o coronel.

Lembrando que 707 municípios mineiros já possuem comissões municipais de defesa civil, o coronel Martins salientou que, nesta semana, durante seminário realizado no Tribunal de Contas da União (TCU), o governador Antônio Anastasia defendeu a necessidade de serem feitas mudanças na legislação para dar mais agilidade aos governos estaduais e municipais na utilização de recursos para socorro a vítimas de desastres naturais.

“A orientação do governador é atendermos todos os municípios sem distinção, mas, além da necessidade das comissões municipais de defesa civil estarem bem organizadas, é preciso que a legislação dê condições aos governadores e prefeitos aplicarem recursos públicos com celeridade no socorro às vítimas de desastres”, concluiu o coronel Martins.

Auxílio

Durante o seminário realizado no auditório da Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Sargentos, várias lideranças destacaram o trabalho que o Governo de Minas tem implementado nos últimos anos por meio da Cedec, não só no auxílio dos municípios no socorro a vítimas de desastres naturais, mas também no repasse de orientações para organização e ações de planejamento por parte das comissões municipais de defesa civil.

O prefeito de Cataguases, Willian Lobo de Almeida, salientou que  é fundamental que os prefeitos liderem o processo de organização das comissões municipais de defesa civil, através da adoção de planejamento estratégico. “Se isso for feito com determinação, independente de quem for o próximo governante o trabalho terá continuidade”, observou o prefeito.

Também os prefeitos dos municípios de Guidoval, Hélio Lopes dos Santos, e de Além Paraíba, Wolney Freitas, destacaram que, em virtude das fortes chuvas que caíram neste ano, se não fosse o apoio do Governo do Estado os problemas enfrentados pela população seriam muito piores.

O coordenador da Defesa Civil de Belo Horizonte, coronel Alexandre Lucas Alves, apresentou várias ações de prevenção que diversos órgãos da prefeitura têm implementado visando minimizar os impactos das chuvas na capital mineira. “Com base nos resultados que temos obtido em Belo Horizonte, avaliamos que investir em planejamento e prevenção é condição fundamental para que os municípios enfrentem de forma estruturada os problemas causados pelas chuvas”, assinalou.

Planejamento

O meteorologista, Ruibran dos Reis, do Instituto ClimaTempo, salientou que se a Cedec não tivesse um bom planejamento e estrutura de ação, os problemas causados pelas chuvas em Minas seriam bem piores do que os registrados neste ano. Segundo o especialista, a partir do ano 2000, o Estado passou a enfrentar uma série de variações nas médias de chuvas que caem anualmente, sendo que, neste ano, o período chuvoso foi mais curto, porém mais intenso na Região Metropolitana de Belo Horizonte e no Oeste do Estado.

Balanço apresentado nesta quinta-feira pelo secretário executivo da Cedec, tenente-coronel, Fabiano Villas Boas, revela que 273 municípios foram afetados pelas chuvas, sendo que 239 foram obrigados a decretar situação de emergência. Vinte pessoas morreram e 6.321 sofreram ferimentos. O número de pessoas desabrigadas chegou a 9.594 e outras 106.816 pessoas foram desalojadas.

Em conseqüência das chuvas, 1.436 casas foram destruídas e mais de 23 mil imóveis foram danificados. A infraestrutura de vários municípios também foi afetada com a destruição de 886 pontes e ocorrência de danos em outras 872 pontes.

Socorro

Para minimizar os efeitos dos desastres ocorridos no Estado no período chuvoso 2011/2012, o Governo de Minas, por meio da Cedec, distribuiu mais de 171 toneladas de alimentos; mais de 80 mil metros quadrados de lona plástica; 12.770 telhas; 10.696 mil colchões; 8.666 cobertores; 6.030 kits de higiene e 104 kits de medicamentos. A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil enviou ainda 168 equipes de profissionais para os 273 municípios atingidos pelas chuvas, a fim de apoiar as prefeituras nas ações de resposta e elaboração de documentos enviados ao Governo Federal com o objetivo de viabilizar a liberação de recursos financeiros para fins sociais e de reconstrução de áreas danificadas.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/seminario-da-defesa-civil-destaca-necessidade-de-municipios-investirem-em-planejamento-e-prevencao-de-desastres-naturais/

Publicado em 31/05/2012, em Anastasia, Antonio Anastasia, Choque de Gestão, Gestao Pública, Gestão, Gestão Eficiente, Gestão em Minas e marcado como , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: