Governo de Minas: qualidade é fundamental para o melhor Queijo Minas Artesanal

Superagro 2012 traz na programação o Concurso Estadual do Queijo Minas Artesanal

Produtores de diversas regiões mineiras levarão seus melhores queijos para o Concurso Estadual do Queijo Minas Artesanal, que pela segunda vez consecutiva é realizado na programação da Superagro Minas. A escolha acontece no dia 8 de junho. Para participar, o produtor deve atender à legislação e às normas sanitárias de produção do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA).

Conforme informações da Emater-MG, que executa o Programa Queijo Minas Artesanal, para identificar e caracterizar as regiões tradicionalmente produtoras do Queijo Minas Artesanal foram feitos estudos históricos, agrogeológicos e climáticos. A Lei Estadual 14.185/02 determina esses critérios para classificar as cinco regiões como Cerrado, Araxá, Canastra, Serro e Campo das Vertentes, que dão nome aos tipos do queijo.

Segundo a coordenadora de Programa Queijo Minas Artesanal da Emater-MG, Marinalva Olivia Martins Soares, o trabalho realizado com os produtores é focado no aprimoramento da qualidade e cada edição do concurso é um aprendizado. “Hoje o mercado exige a profissionalização e a regulamentação dos produtores, sem elas a qualidade do queijo fica comprometida. Entre os critérios necessários para conquistarmos a excelência do produto está a obediência às suas características originais, como a sua apresentação – formato e acabamento; sua cor – amarelada e uniforme; e os sabores próprios de cada região”, afirma Marinalva.

Além dessas características, serão avaliados no concurso a textura, a consistência, o paladar e o olfato dos queijos concorrentes. Serão premiados os cinco primeiros lugares, dentre os inscritos de todas as regiões produtoras. Estima-se que serão 21 inscritos no total.

A coordenadora informa que atualmente há 213 produtores cadastrados no IMA e a expectativa é que ao longo de 2012 sejam realizados outros 100 cadastros. “Embora a certificação seja fundamental para termos um produto melhor e mais competitivo no mercado, há ainda alguns produtores que insistem na informalidade”, lamenta. Isso faz com que o preço do produto varie, dependendo também da região produtora, mas a média fica em entre R$ 7,50 e R$ 15 o quilo. Esses valores são referentes ao que é pago ao produtor para o Queijo Minas Artesanal Cadastrado.

A Superagro Minas 2012 será realizada de 3 a 10 de junho, no complexo Parque de Exposições da Gameleira /Expominas, em Belo Horizonte.  A promoção é do Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg) e Sebrae-MG.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/qualidade-e-fundamental-para-o-melhor-queijo-minas-artesanal/

Publicado em 24/05/2012, em Anastasia, Antonio Anastasia, Choque de Gestão, Gestao Pública, Gestão, Gestão Eficiente, Gestão em Minas e marcado como , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: