Gestão da Saúde: Vacinação contra a gripe segue até dia 25 de maio

No Norte de Minas, a expectativa é que mais de 150 mil pessoas sejam imunizadas

Desde o dia 05 de maio, unidades de saúde de todo país estão oferecendo a vacina contra a gripe. A Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza é realizada há 14 anos e, neste ano, além dos idosos com mais de 60 anos de idade, está imunizando trabalhadores de saúde das unidades que fazem atendimento para a influenza, povos indígenas, crianças na faixa etária de seis meses a menores de dois anos, gestantes e a população prisional. A Campanha conta com o apoio da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais.

A campanha vai até o dia 25 de maio e nos 53 municípios sob jurisdição da Superintendência Regional de Saúde de Montes Claros a expectativa imunizar 151.945 pessoas, sendo 72.830 somente em Montes Claros. Até o momento, 47,93% desse público já tomaram a dose da vacina. Em Montes Claros, 33,07% já foram imunizados. Para facilitar o acesso da população, além das 150 unidades de saúde, foram montados 650 postos móveis de vacinação na região.

A vacina contra a gripe garante proteção contra os três principais vírus que circulam no hemisfério Sul, entre eles o da Influenza, como recomenda a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Influenza

A influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. É de elevada transmissibilidade e distribuição global, com tendência a se disseminar facilmente em epidemias sazonais. A transmissão ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos, que após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias podem levar o agente infeccioso direto à boca, aos olhos e ao nariz.

Os sintomas, muitas vezes, são semelhantes aos do resfriado, que se caracterizam pelo comprometimento das vias aéreas superiores, com congestão nasal, rinorréia, tosse, rouquidão, febre variável, mal-estar, mialgia e cefaléia.

A maioria das pessoas infectadas se recupera dentro de uma a duas semanas sem a necessidade de tratamento médico. No entanto, nas crianças muito pequenas, idosos e portadores de quadros clínicos especiais, a infecção pode levar a formas clinicamente graves, pneumonia e morte.

Segundo o Ministério da Saúde, estudos demonstram que títulos de anticorpos pós-vacinais declinam no curso de um ano após a vacinação. Sendo assim, a vacinação anual é recomendada para uma ótima proteção contra a gripe, sendo recomendada mesmo para os grupos alvos que receberam a vacina na temporada anterior.

A Organização Mundial de Saúde estima que há no mundo cerca de 1,2 bilhões de pessoas com risco elevado de complicações por gripe: 385 milhões de idosos acima de 65 anos de idade, 140 milhões de crianças, e 700 milhões de crianças e adultos com doença crônica. Além disso, 24 milhões de trabalhadores de saúde devem ser imunizados para proteger os profissionais que atuam na assistência a doentes visando a preservação desta força de trabalho e secundariamente evitar a propagação da doença para a população de alto risco.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/vacinacao-contra-a-gripe-segue-ate-dia-25-de-maio/

Publicado em 16/05/2012, em Anastasia, Antonio Anastasia, Choque de Gestão, Gestao Pública, Gestão, Gestão Eficiente, Gestão em Minas e marcado como , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: