Governo de Minas: Arena Independência conta com serviço de atendimento aos torcedores

Além de assegurar conforto e seguranças aos visitantes, estádio se torna exemplo nacional no cumprimento do Estatuto do Torcedor

Sylvio Coutinho/Divulgação
Espalhados pela Arena Independência, stewards usam colete laranja
Espalhados pela Arena Independência, stewards usam colete laranja

Além de contar com uma das estruturas esportivas mais modernas do Brasil, o estádio Arena Independência oferece um novo serviço de atendimento ao visitante, com o objetivo de garantir sua segurança e tranquilidade. Trata-se do trabalho de auxílio ao visitante na localização dos assentos numerados e de orientação sobre as normas de segurança do estádio feito pelos assistentes de torcedores, denominados stewards na Europa.

Os auxiliares ficam posicionados em todos os setores da nova arena, sendo um para cada 100 torcedores. Alguns portam rádios comunicadores, mas a maioria não carrega nenhum tipo de equipamento. Em caso de aglomeração de torcedores nas escadas de circulação nas arquibancadas durante jogos, por exemplo, eles atuam para evitar desconforto entre os demais visitantes. Em caso de conflito, buscam pronto auxílio da Polícia Militar.

A atuação dos stewards faz parte do plano de segurança da Arena Independência, que estabelece as diretrizes do setor elaboradas em conjunto pela empresa BWA, administradora do estádio, e órgãos do poder público. “Estamos vivenciando um novo conceito de administração de estádio, em que os setores público e privado trabalham juntos dentro de uma linha moderna de atuação, orientada pelas experiências históricas da Polícia Militar nessa área e também pelas práticas da FIFA”, explica o gerente de operações da Arena Independência, coronel Miguel Libânio.

No jogo inaugural do estádio, no dia 25 de abril, entre América e Argentino Juniors, os stewards foram muito úteis na orientação de torcedor sobre cadeiras numeradas. O coronel lembra que o assento numerado é um direito estabelecido pelo Estatuto do Torcedor. “O artigo 22 dá essa garantia ao torcedor, que não está habituado a se sentar num lugar marcado no estádio. Esse processo educativo será gradual. É preciso que todas as partes envolvidas, desde torcidas a clubes, entendam o quão importante é esse direito”, afirma.

A nova arena contará com cerca de 600 profissionais de segurança, entre públicos e privados, em dias de grandes eventos esportivos. “O atendimento diferenciado de torcedores é um grande passo nesse trabalho de construção dos alicerces do novo e profissional futebol mineiro, em que o visitante é tratado como cliente. A Polícia Militar sempre teve papel fundamental nesse processo e continuará a tê-lo”, explica o secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo, Sergio Barroso.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/arena-independencia-conta-com-servico-de-atendimento-aos-torcedores/

Publicado em 03/05/2012, em Anastasia, Antonio Anastasia, Choque de Gestão, Gestao Pública, Gestão, Gestão Eficiente, Gestão em Minas, Gestão Pública e marcado como , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: